PT
BR
Pesquisar
Definições



cuneiforme

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
cuneiformecuneiforme
|fó| |fó|
( cu·nei·for·me

cu·nei·for·me

)


adjectivo de dois génerosadjetivo de dois géneros

1. Que tem forma de cunha. = CUNEAL

2. [Arqueologia] [Arqueologia] Diz-se da antiga escrita desenvolvida no IV milénio a.C. na Mesopotâmia, constituída por sinais triangulares em forma de cunha impressos por um estilete em argila mole (ex.: escrita cuneiforme assíria; escrita cuneiforme persa; escrita cuneiforme suméria).


adjectivo de dois géneros e nome masculinoadjetivo de dois géneros e nome masculino

3. [Anatomia] [Anatomia] Diz-se de ou cada um dos três ossos do pé em forma de cunha, situados ao lado do osso cubóide e à frente do navicular, que articulam com os três primeiros ossos do metatarso (ex.: os ossos cuneiformesos distinguem-se em cuneiforme lateral, cuneiforme intermédio e cuneiforme medial).

etimologiaOrigem etimológica:latim cuneus, -i, cunha + -forme.

Auxiliares de tradução

Traduzir "cuneiforme" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Ao utilizar o vosso dicionário, obtive o seguinte resultado para a palavra amoníaco: do Lat. ammoniacu < Gr. ammoniakón s. m., gás incolor, de cheiro intenso, sabor acre e com efeitos lacrimogéneos; gás composto de azoto e hidrogénio, que se encontra na urina e nas matérias em decomposição. A partir de lacrimogéneos obtive: masc. plu. de lacrimogéneo, do Lat. lacrima + Gr. gen, r. de gígnomai, gerar. No entanto a palavra lacrimogéneo não aparece no vosso dicionário, mas sim lacrimogénio (com i em vez de e): adj., que provoca ou produz lágrimas; que faz chorar. Assim, gostaria de saber se existem as duas formas ou se uma se encontra errada.
Como muito bem observou, a informação disponibilizada não é coerente. De facto, não se pode dizer que a forma lacrimogénio seja errada, mas, sendo possível, é uma variante de lacrimogéneo, menos usada e praticamente não registada em dicionários e vocabulários de língua portuguesa.

O DPLP deveria ter registado a entrada lacrimogéneo (e lacrimogénio, a ser registado, deveria remeter para lacrimogéneo, sendo esta última a forma preferencial).




Por que motivo algumas palavras fazem o diminutivo com S e outras com Z?
Entre os sufixos mais produtivos para a formação de diminutivos encontram-se -inho e -zinho. Desta forma, poderá, por exemplo, formar as palavras livrinho (livro + -inho) e livrozinho (livro + -zinho). Só poderá haver um -s- num diminutivo se a palavra primitiva já o contiver, pois não há, em português, um sufixo -sinho. Por exemplo, nas palavras adeusinho ou vasinho há um -s- porque as palavras são formadas de adeus ou vaso + -inho.