Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
charamelacharamela | s. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

cha·ra·me·la |é| cha·ra·me·la |é|
(francês antigo chalemelle, hoje francês chalumeau, cana, caniço)
nome feminino

1. [Música]   [Música]  Instrumento de sopro medieval, usado em música pastoril, anterior ao clarinete e ao oboé.

2. [Música]   [Música]  Registo grave do clarinete.

3. [Música]   [Música]  Registo de órgão cujo timbre se assemelha a instrumentos pastoris.

4. [Música]   [Música]  Tubo da gaita-de-foles.

5. [Antigo]   [Antigo]   [Música]   [Música]  Conjunto de músicos que tocam principalmente instrumentos metálicos de sopro. = CHARANGA, FANFARRA

pub

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Ouve-se em certos telejornais expressões como a cujo ou em cujo; contudo gostaria de saber se gramaticalmente a palavra cujo pode ser antecedida de preposição.
O uso do pronome relativo cujo, equivalente à expressão do qual, pode ser antecedido de preposição em contextos que o justifiquem, nomeadamente quando a regência de alguma palavra ou locução a tal obrigue. Nas frases abaixo podemos verificar que o pronome está correctamente empregue antecedido de várias preposições (e não apenas a ou em) seleccionadas por determinadas palavras (nos exemplos de 1 e 2) ou na construção de adjuntos adverbiais (nos exemplos de 3 e 4):

1) O aluno faltou a alguns exames. O aluno reprovou nas disciplinas a cujo exame faltou. (=O aluno reprovou nas disciplinas ao exame das quais faltou);
2) Não haverá recurso da decisão. Os casos serão julgados pelo tribunal, de cuja decisão não haverá recurso. (=Os casos serão julgados pelo tribunal, dadecisão do qual não haverá recurso);
4) Houve danos em algumas casas. Os moradores em cujas casas houve danos foram indemnizados. (=Os moradores nas casas dos quais houve danos foram indemnizados);
5) Exige-se grande responsabilidade para o exercício desta profissão. Esta é uma profissão para cujo exercício se exige grande responsabilidade. (=Esta é uma profissão para o exercício da qual se exige grande responsabilidade).




Quando devo usar "x" e quando devo usar "ch"? Bicho, mexerica, xuxu... existe uma regra para a aplicação de um ou outro?
A ortografia é um conjunto de regras convencionadas; como tal, é artificial e às vezes “pouco amiga do utilizador”.

A maioria das vezes, é o utilizador da língua que mais lê e mais consulta obras de referência, como dicionários, prontuários e afins, que melhor conhece essas regras e que melhor escreve. Não há nenhuma estratégia para escrever correctamente que não passe pela memorização do léxico e pela experiência de leitura e de escrita.

O caso de -ch- e -x- é frequentemente problemático, por corresponder muitas vezes ao mesmo som [S] (ex.: chá, xá), e por ambos os segmentos poderem ocorrer em posição inicial (ex.: chávena, xícara) e medial de uma palavra (ex.: fechar, mexer).

A consulta de obras de referência (dicionários, vocabulários, prontuários e afins), de que o Dicionário Priberam da Língua Portuguesa é apenas um exemplo, pode ajudar na verificação de casos duvidosos. Esta verificação pode também contribuir para a memorização do léxico e interiorização das regras.

Poderá ter alguma utilidade a consulta da Base V do Acordo Ortográfico de 1945 para a norma europeia do português, especialmente no número 3.º. Para a norma brasileira, estas indicações também são válidas, sendo semelhantes às que estão no grupo X do Formulário Ortográfico de 1943.

Com a aplicação do Acordo Ortográfico de 1990, não há nenhuma alteração relativamente a este assunto, mas poderá ser útil a consulta da Base III.

Relativamente às palavras listadas, é de referir que deverá grafar chuchu (a não ser que se trate de um cabo-verdianismo apenas registado no Dicionário Houaiss, que quer dizer "endiabrado" ou "sujo").

pub

Palavra do dia

a·bes·tun·to a·bes·tun·to
(a- + bestunto)
nome masculino

1. [Informal]   [Informal]  Capacidade para pensar ou raciocinar (ex.: falta-lhe abestunto para entender o problema).

2. [Informal]   [Informal]  Cabeça (ex.: faltou-lhe coragem para dizer o que lhe ia no abestunto). = CACHIMÓNIA


SinónimoSinônimo Geral: BESTUNTO

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/charamela [consultado em 24-11-2020]