Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

cercealinho

cercealinhocercealinho | adj. 2 g. n. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

cer·ce·a·li·nho cer·ce·a·li·nho


(cerceal + [alvar]inho)
adjectivo de dois géneros e nome masculino
adjetivo de dois géneros e nome masculino

[Viticultura]   [Viticultura]  Diz-se de ou variedade de casta portuguesa de uva branca, resultante do cruzamento da casta sercial ou vital com alvarinho. = SERCIALINHO

pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Escreve-se dispor ou dispôr? Já ouvi que ambas estão correctas, embora talvez a última tenha caído em desuso; será?
O verbo pôr tem acento circunflexo por necessidade de distinção clara da preposição por. No entanto, nenhum dos seus derivados ou cognatos tem acento circunflexo, por já não haver necessidade de qualquer distinção. Desta forma, a única ortografia correcta será dispor, como poderá encontrar no Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, onde poderá confirmar também outros verbos cognatos como apor, antepor, compor, contrapor, depor, dispor, expor, justapor, opor, propor, etc.



Sempre aprendi que o correto era falar supérfulo. Porém de uns anos para cá vejo pessoas falando supérfluo e sempre imaginei que elas estavam falando errado. Procurei no dicionário Priberam e vi que supérfulo não existe. Está incorreto mesmo? Realmente não existe? Se eu falar vou passar vergonha? Sempre aprendi que assim era correto e sentirei dificuldade de falar supérfluo pois sempre imaginei ser errado. Podem me ajudar e me dizer qual das pronúncias está correta e se supérfulo realmente está errado?
A única forma correcta e atestada em dicionários é supérfluo, adjectivo derivado do latim superfluus.
O fenómeno que acontece em supérfluo, quando erradamente pronunciado ou escrito *supérfulo, é denominado por metátese e corresponde a uma troca de letras ou sons no interior de uma palavra. Há casos em que a metátese reflecte uma mudança linguística, isto é, corresponde efectivamente a uma alteração na evolução de uma palavra enquadrada na história da língua (é o caso, por exemplo, do advérbio latino semper que evoluiu para o português sempre). Não parece, porém, tratar-se de mudança linguística o que acontece com a metátese em supérfluo, quando pronunciado ou escrito *supérfulo. Em português, a estrutura regular de uma sílaba é uma sequência consoante-vogal (ex.: ba-ta-ta); há inúmeros casos que não seguem esta estrutura, mas esta é estatisticamente aquela que é mais frequente. Por este motivo, muitos falantes tendem a manter este padrão na pronúncia e a sequência consonântica -fl- seguida da sequência vocálica -uo em supérfluo é transformada numa sequência consoante-vogal-consoante-vogal (-fulo), fazendo uma regularização silábica abusiva e originando uma forma incorrecta *supérfulo.

Poderá consultar também outra resposta sobre o mesmo assunto em pronúncia de impregnar.

pub

Palavra do dia

al·vo·ri·çar al·vo·ri·çar


(alvoriço + -ar)
verbo intransitivo

1. [Antigo]   [Antigo]  Fugir com susto. = DEBANDAR

verbo pronominal

2. Ficar com os cabelos ou pêlos arrepiados; pôr-se o cabelo em pé (ex.: alvoriçou-se com o susto). = ARREPIAR-SE

Confrontar: alvoroçar.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/cercealinho [consultado em 30-11-2021]