Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

cólico

cólicocólico | adj.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

có·li·co có·li·co


adjectivo
adjetivo

[Anatomia]   [Anatomia]  Do cólon ou a ele relativo (ex.: carcinoma cólico; diverticulose cólica; parede cólica).

pub

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Los hay que mueren de silencio de tragarse demasiadas palabras y del cólico fenomenal que sigue y los hay que mueren por hablar demasiado pues las paredes...

Em Rua das Pretas

Bebe Sillas De Frijol Infantil Bolsas De Panales Nino Mochila Muebles Colico Del Bebe Colico De Bebe Mochila Bolso Png Pngwing Cangurera Para Bebe Egmaobaby Portabebes...

Em Luiz Martins

A religiosa nasceu em Colico , na província de Lecco, Itália, em 20 de agosto de 1939, e foi...

Em Blog da Sagrada Família

(vejam-no MELAN CÓLICO lá atrás aqui no lado direito) 'Sport Lisboa e Benfica!!

Em Coluna D'Águias Gloriosas

VIDEOS DE CABALLOS COMPRAVENTA TRUCOS CABALLOS EJERCICIOS DE DOMA EL HERRAJE COLICO Apostar JUEGOS DE CABALLOS IMAGENES DE CABALLOS REPRISES DE DOMA HIPOTERAPIA GACETA HIPICA TIENDAS...

Em apostaswin.blogs.sapo.pt
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Escreve-se dispor ou dispôr? Já ouvi que ambas estão correctas, embora talvez a última tenha caído em desuso; será?
O verbo pôr tem acento circunflexo por necessidade de distinção clara da preposição por. No entanto, nenhum dos seus derivados ou cognatos tem acento circunflexo, por já não haver necessidade de qualquer distinção. Desta forma, a única ortografia correcta será dispor, como poderá encontrar no Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, onde poderá confirmar também outros verbos cognatos como apor, antepor, compor, contrapor, depor, dispor, expor, justapor, opor, propor, etc.



Diz-se "vendem-se casas" ou "vende-se casas"?
Do ponto de vista exclusivamente linguístico, nenhuma das duas expressões pode ser considerada incorrecta.

Na frase Vendem-se casas, o sujeito é casas e o verbo, seguido de um pronome se apassivante, concorda com o sujeito. Esta frase é equivalente a casas são vendidas.

Na frase Vende-se casas, o sujeito indeterminado está representado pelo pronome pessoal se, com o qual o verbo concorda. Esta frase é equivalente a alguém vende casas.

Esta segunda estrutura está correcta e é equivalente a outras estruturas muito frequentes na língua com um sujeito indeterminado (ex.: não se come mal naquele restaurante; trabalhou-se pouco esta semana), apesar de ser desaconselhada por alguns gramáticos, sem contudo haver argumentos sólidos para tal condenação. Veja-se, por exemplo, a Nova Gramática do Português Contemporâneo, de Celso CUNHA e Lindley CINTRA [Edições Sá da Costa, 1984, 14ª ed., pp. 308-309], onde se pode ler “Em frases do tipo: Vendem-se casas. Compram-se móveis. considera-se casas e móveis os sujeitos das formas verbais vendem e compram, razão por que na linguagem cuidada se evita deixar o verbo no singular”.

pub

Palavra do dia

al·vo·ri·çar al·vo·ri·çar


(alvoriço + -ar)
verbo intransitivo

1. [Antigo]   [Antigo]  Fugir com susto. = DEBANDAR

verbo pronominal

2. Ficar com os cabelos ou pêlos arrepiados; pôr-se o cabelo em pé (ex.: alvoriçou-se com o susto). = ARREPIAR-SE

Confrontar: alvoroçar.
pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/c%C3%B3lico [consultado em 30-11-2021]