Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

ajupe

ajupeajupe | interj.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

a·ju·pe a·ju·pe


interjeição

[Brasil]   [Brasil]  Palavra usada pelos tropeiros para estimular os animais.

pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Dúvidas linguísticas


Não sei como acrescentar palavras neste dicionário de vocês, por isso envio-lhes este email sobre malgrado: neste saite surge mal-grado; no Aurélio consta: malgrado, prep, Apesar de, não obstante.
Antes da entrada em vigor do Acordo Ortográfico de 1990, a grafia mal-grado era a forma consagrada na lexicografia portuguesa, constituindo uma diferença relativamente à lexicografia brasileira. Com a aplicação do novo Acordo Ortográfico, essa diferença foi anulada, passando malgrado a ser a ortografia comum a ambas as normas do português.

Note-se que o registo da forma hifenizada nos dicionários portugueses decorria apenas de uma tradição lexicográfica e não do estipulado no Acordo Ortográfico de 1945, uma vez que este especifica que os compostos formados pelo prefixo mal- apenas se hifenizam quando o segundo elemento começa por vogal ou pela letra h.




Muitas vezes em poesia é usada a forma sincopada pra escrita como p'ra. No entanto o Acordo Ortográfico de 1945 indica que não se deve usar o apóstrofo neste caso. Existem excepções relativamente à poesia? Por outro lado, a forma correcta de, em poesia, abreviar para + a (numa frase como por exemplo horas de ir para a cama) é prà?
A forma sincopada da preposição para é pra, que se encontra atestada na maioria dos dicionários de língua. O uso do apóstrofo neste caso não está previsto em nenhuma das bases XXXIII a XXXVIII do Acordo Ortográfico de 1945, para a língua portuguesa de norma europeia (no caso da norma brasileira, no Formulário Ortográfico de 1943 é especificamente referido que o apóstrofo não será usado nestes casos), nem na Base XVIII do Acordo Ortográfico de 1990, pelo que deverá ser evitado.

Por outro lado, a contracção da preposição para com os artigos definidos ou pronomes demonstrativos a, o, as, os deverá corresponder às formas prà, prò, pràs, pròs, segundo a base XXIV do Acordo Ortográfico de 1945. No entanto, segundo o Acordo Ortográfico de 1990, deverá corresponder às formas pra, pro, pras, pros, uma vez que, neste acordo (ver Base XII), não estão previstos outros contextos para o acento grave para além da contracção da preposição a com as formas femininas do artigo ou pronome demonstrativo o (à, às) e com os demonstrativos aquele e aqueloutro e respectivas flexões (ex.: àquele, àqueloutra).

As normas ortográficas preconizadas pelos textos legais referidos dizem respeito à língua portuguesa em geral, não prevendo excepções para a poesia.

pub

Palavra do dia

a·pi·ná·ri·o a·pi·ná·ri·o


(latim apinarius, -ii, bobo, comediante, farsista)
nome masculino

[Teatro]   [Teatro]  Comediante que, entre os romanos, representava as sátiras.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/ajupe [consultado em 27-03-2023]