Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

-foro

-foro-foro | elem. de comp.
foroforo | n. m.
foroforo | n. m. | n. m. pl.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

-foro -foro


(grego forós, -ós, -ón, que leva para a frente)
elemento de composição

Exprime a noção de transporte ou produção (ex.: cromóforo; galactóforo).


fo·ro |ó|fo·ro |ó|2


(latim forum, i, praça pública)
nome masculino

[História]   [História]  Praça pública, na antiga Roma.Ver imagem = FÓRUM

Plural: foros |ó|.Plural: foros |ó|.
Confrontar: furo.

fo·ro |ô|fo·ro |ô|1


(latim forum, i, praça pública)
nome masculino

1. Pensão anual que o enfiteuta paga ao senhorio directo. = PENSÃO

2. Domínio útil de um prédio.

3. Condição; qualidade.

4. Uso ou privilégio garantido pelo tempo ou pela lei.

5. Imunidade.

6. Privilégio, jurisdição, alçada.

7. Tribunais judiciais.

8. [Figurado]   [Figurado]  Encargo habitual.

9. Lei, direito.

10. Conta, estima.


foros
nome masculino plural

11. Direitos; privilégios.


foro íntimo
Faculdade de julgar os próprios actos. = CONSCIÊNCIA

foros de cidade
Título de cidade concedido a uma vila. = DIREITOS DE CIDADE

Plural: foros |ó|.Plural: foros |ó|.
Confrontar: furo.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "-foro" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Dra. Maísa Klain A homenageada e o Vereador Elielton, autor da justa indicação Em alusão ao dia do dentista no Brasil, a Câmara Municipal de Santarém realizou nesta terça-feira, 26 de Outubro, uma sessão especial sobre o dia do dentista no Brasil. O vereador Elielton Lira (Avante) homenageou a Dra. Maísa Klaim pelo belíssimo

Em www.blogdocolares.com

Contratos DI para janeiro de 2023 sobem 0,6 ponto percentual nesta terça (26) FOLHAPRESS Os contratos de juros futuros voltaram a acelerar nesta terça-feira (26), na véspera da decisão do Copom (Comitê de Política Monetária do Banco Central) sobre a Selic. A taxa DI (Depósitos Interfinanceiros) para janeiro de 2023, que

Em Caderno B

Curiosamente muitos dos que acharam a formação da ‘‘geringonça’’ uma perversão democrática, consideram agora que Rio pode permanecer no poder sem ir a votos. nem em África se usam esses esquemas. (Eduardo Oliveira e Silva, Ji)

Em A RODA

A sabedoria popular, com um "toque" de George Bernard Shaw, é sempre um precioso auxiliar naquelas ocasiões em que nos apetece dar troco a quem manifestamente apenas merece um profundo desprezo. Espero que esta lucidez seja perene porque os tempos estão cada vez mais para o terrorismo verbal, para o insulto gratuito, para

Em Depois Falamos

O tenente da Polícia Militar, André Luiz Leonel Andréa, flagrado em câmeras de segurança de quartel da PM em Bonito agredindo mulher que havia sido encaminhada ao local para prestar esclarecimentos foi condenado a um ano, cinco meses e 10 dias de detenção, que pode ser cumprido em regime aberto. O juiz Alexandre Antunes

Em Caderno B
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Na frase dei de caras com um leão, qual a função sintáctica das expressões de caras e com um leão?
A locução verbal dar de caras corresponde a uma expressão idiomática do português, que por esse motivo não é habitualmente decomposta, equivalendo a um verbo como deparar-se ou a outra locução verbal como encontrar subitamente. Na frase apontada, pode no entanto considerar-se a expressão de caras como um modificador adverbial (designado por complemento circunstancial na gramática tradicional), indicando o modo como se processa a acção expressa pelo verbo dar (equivalente, por exemplo a subitamente numa frase como deu subitamente com um leão).
A expressão com um leão pode ser considerada complemento indirecto seleccionado pelo verbo dar, pois com um leão é um complemento nominal introduzido indirectamente pela preposição com.




É indiferente a utilização indistinta dos verbos levantar e alevantar, rebentar e arrebentar?
As palavras que referiu são sinónimas duas a duas (alevantar = levantar, arrebentar = rebentar), sendo as formas iniciadas por a- variantes formadas pela adjunção do prefixo protético a-, sem qualquer alteração de sentido. A estas palavras podem juntar-se outros pares, como ajuntar/juntar, amostrar/mostrar, arrecuar/recuar, assoprar/soprar, ateimar/teimar, etc.

As formas com o elemento protético a- são geralmente consideradas mais informais ou características do discurso oral, devendo por isso ser evitadas em contextos que requerem alguma formalidade ou em que se quer evitar formas menos consensuais.

Apesar deste facto, não podemos fazer uma generalização destes casos para o uso do prefixo, uma vez que o prefixo a- pode ter outros valores, como os de aproximação, mudança (ex.: abaixo < a- + baixo, acertar < a- + certo + -ar) ou de privação, negação (ex.: atemporal < a- + temporal, assexuado < a- + sexuado), em que já não se trata de variação, mas de derivação.

pub

Palavra do dia

sar·ra·bis·car sar·ra·bis·car


(sarrabisco + -ar)
verbo transitivo e intransitivo

Fazer sarrabiscos. = GARATUJAR, RABISCAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/-foro [consultado em 28-10-2021]