Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

árbitra

fem. sing. de árbitroárbitro
Será que queria dizer arbitra?
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

ár·bi·tro ár·bi·tro


(latim arbiter, -tri, testemunha, juiz, dono)
nome masculino

1. [Direito]   [Direito]  O que resolve litígios por consenso das partes.

2. [Figurado]   [Figurado]  Autoridade suprema. = SOBERANO

3. [Desporto]   [Esporte]  Pessoa que, num jogo ou competição desportiva, zela pelo cumprimento das regras.Ver imagem = JUIZ

adjectivo
adjetivo

4. [Pouco usado]   [Pouco usado]  Que julga como árbitro (ex.: juíza árbitra colaboradora em vários centros de arbitragem).


árbitro assistente
[Desporto]   [Esporte]  Pessoa que auxilia o árbitro principal.

Indivíduo que, nos jogos de futebol, deve acenar com uma bandeira pequena ao árbitro principal em caso de saída de campo da bola, fora-de-jogo, falta, etc.Ver imagem = BANDEIRINHA, FISCAL DE LINHA, JUIZ DE LINHA

árbitro auxiliar
[Desporto]   [Esporte]  O mesmo que árbitro assistente.

árbitro de vídeo
[Brasil]   [Brasil]   [Desporto]   [Esporte]  Árbitro assistente que visiona as imagens em directo de uma competição e que comunica em tempo real com o árbitro de campo. = VIDEOÁRBITRO

Feminino: árbitra.Feminino: árbitra.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "árbitra" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

equipa de arbitragem foi com o Leixões para a Taça No domingo na divisão de elite o...

Em futebol matosinhos

Como prémio, arbitra finais da Taça de Portugal, ganha um ano extra na arbitragem e é chamado...

Em O INDEFECTÍVEL

O Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol divulgou esta quarta-feira todas as equipas de arbitragem para...

Em Fora-de-jogo

Para completar, a árbitra Yoshimi Yamashita atendeu a um chamado do VAR, revisou o lance e deu vermelho...

Em Caderno B

...Sapporo, em Sapporo (JAP) Data: 23 de julho de 2021, às 4h30 (de Brasília) Árbitra : Esther Staubli (SUI) Cartões amarelos: Pardo e López (CHI) / Scott (CAN) Cartões...

Em Caderno B
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Na frase dei de caras com um leão, qual a função sintáctica das expressões de caras e com um leão?
A locução verbal dar de caras corresponde a uma expressão idiomática do português, que por esse motivo não é habitualmente decomposta, equivalendo a um verbo como deparar-se ou a outra locução verbal como encontrar subitamente. Na frase apontada, pode no entanto considerar-se a expressão de caras como um modificador adverbial (designado por complemento circunstancial na gramática tradicional), indicando o modo como se processa a acção expressa pelo verbo dar (equivalente, por exemplo a subitamente numa frase como deu subitamente com um leão).
A expressão com um leão pode ser considerada complemento indirecto seleccionado pelo verbo dar, pois com um leão é um complemento nominal introduzido indirectamente pela preposição com.




É com espanto que vejo que na conjugação do verbo haver aparecer a forma houveram. Sempre aprendi que a 3.ª pessoa do plural do pretérito perfeito não existe. Podem-me explicar se é moda nova?!
A flexão do verbo haver varia consoante o seu emprego. Assim, quando este é empregue como verbo principal, com os sentidos de “existir” (em 1.a), de "ter decorrido" (em 2.a) e de “acontecer” (em 3.a), ele é impessoal, i.e., utiliza-se apenas na 3.ª pessoa do singular. Daí a má formação das frases 1.b), 2.b) e 3.b), assinaladas com asterisco (*):

1. a) Houve muitos deputados investigados.
b) * Houveram muitos deputados investigados.

2. a) Havia duas horas que estava à espera.
b) * Haviam duas horas que estava à espera.

3. a) Na semana passada houve muitos acidentes.
b) * Na semana passada houveram muitos acidentes.

Quando é empregue como verbo principal com outros sentidos que não os de "existir", "ter decorrido" ou "acontecer", é flexionado em todas as pessoas:

4. a) Os organizadores do colóquio houveram por bem encomendar uma sondagem. [achar, considerar]
b) E que bem se houveram os portugueses no confronto! [avir-se]

O verbo haver emprega-se ainda como auxiliar em tempos compostos, sendo também flexionado em todas as pessoas:

5. As encomendas haviam sido entregues.

Como se pode ver pelas frases 4-5, a 3.ª pessoa do plural do pretérito perfeito do verbo haver existe, pelo que o conjugador deve incluí-la, não podendo é ser utilizada nos casos em que o verbo é impessoal.

pub

Palavra do dia

sar·ra·bis·car sar·ra·bis·car


(sarrabisco + -ar)
verbo transitivo e intransitivo

Fazer sarrabiscos. = GARATUJAR, RABISCAR

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/%C3%A1rbitra [consultado em 28-10-2021]