Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

vinco

vincovinco | n. m.
1ª pess. sing. pres. ind. de vincarvincar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

vin·co vin·co


(origem obscura)
nome masculino

1. Marca deixada por uma dobra.

2. Sulco ou vestígio deixado por uma pancada, pela passagem de uma roda, por um cordão, que se apertou em volta de um corpo, por uma unhada, etc. = VERGÃO

3. Anel de metal que se enfia no focinho dos porcos para não fossarem. = ARGANEL, ARGANÉU

4. Primeira camada, imediata à côdea inferior da broa, quando esta sai do forno mal cozida.

5. [Portugal: Estremadura]   [Portugal: Estremadura]  Quantidade de azeitona que a moenda leva de cada vez.


vin·car vin·car

- ConjugarConjugar

(vinco + -ar)
verbo transitivo

1. Fazer vincos ou dobras em. = ENRUGAR

2. Deixar claro ou evidente (ex.: quis vincar bem a sua posição).

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "vinco" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

...que o rasga como aos vermes da terra a lâmina da enxada eis o vinco de tinta

Em #poesia

“Um vinco que significava quase nada”..

Em www.cinecasulofilia.com

...novo desenho das dobradiças permite uma utilização do smartphone sem que se note o vinco ..

Em www.appsdoandroid.com

contratos permanentes e também contratos de trabalho agrícolas sazonais”, vinco ..

Em VISEU, terra de Viriato.

O vinco artístico é facilmente sinalizável apesar dos caminhos percorridos permitirem separações e cortes momentâneos para,...

Em CAMPAINHA ELÉCTRICA
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Fazer de propósito ou fazer com propósito?
As expressões de propósito e com propósito têm significados distintos. A primeira significa “de modo premeditado ou intencional” (ex.: ofendeu-o de propósito) e a segunda significa “com um objectivo específico” (ex.: foi com propósito que se lançou ao trabalho; ajudou-a com propósito de lucro).



Na escrita de uma carta, é comum o uso da expressão "Olá João,", seja qual for o nome. A questão que coloco é: não deveria "Olá" estar separado de "João "por uma vírgula? Do ponto de vista gramatical, João não funciona como um vocativo? Há outras expressões como "Querido João, " que as pessoas usam para justificar a primeira, mas a relação de Querido e Olá para com o substantivo é diferente e justifica a meu ver uma diferença no uso da vírgula. Podiam esclarecer não somente com a frequência do uso das expressões, mas com uma interpretação da função do símbolo "," como identificador de uma transição pré e pós vírgula?
Na expressão "olá, João", o nome João corresponde de facto ao vocativo, pois introduz uma interpelação ou chamamento, e deve estar separado da interjeição olá por uma vírgula.

Na interpelação querido João, não estamos perante uma expressão com a mesma estrutura, uma vez que querido é adjectivo que qualifica o nome próprio do qual não deverá ser separado por vírgula. Este adjectivo fará também parte do vocativo se for usado com uma interjeição como olá (ex.: olá, querido João).

pub

Palavra do dia

zi·mo·lo·gi·a zi·mo·lo·gi·a


(grego zúme, -es, levedura + -logia)
nome feminino

1. Parte da química que se dedica ao estudo da fermentação.

2. Tratado da fermentação.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/vinco [consultado em 28-09-2022]