Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

via-sacra

via-sacravia-sacra | n. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

vi·a·-sa·cra vi·a·-sa·cra


nome feminino

1. [Religião]   [Religião]  Série de catorze quadros que representam as cenas principais do sofrimento de Cristo antes da sua morte.

2. [Religião]   [Religião]  Conjunto das orações que se rezam diante desses quadros.

3. [Figurado]   [Figurado]  Longa caminhada.

4. [Figurado]   [Figurado]  Grande provação ou sofrimento.


SinónimoSinônimo Geral: VIA-CRÚCIS

Plural: vias-sacras.Plural: vias-sacras.
pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

© DA. 733 Sexta-feira, 27 de Agosto de 2021 N ão ser uma criança anacrónica, mais (muito mais) senil do que virente. Não palmilhar a via-pouco-sacra da constante gratificação-imediata. Receber música sem próxima no apetite. Assimilar só o mínimo – porque a demasia dá mau troco. Vou pensando isto no

Em daniel abrunheiro

"Foi uma longa via-sacra que André Almeida teve de percorrer após a fatídica tarde de 18 de Outubro de 2020, em Vila do Conde. Ao minuto 14 do jogo com o Rio Ave, ficou no chão, e percebemos a gravidade da lesão. Gilberto substituiu-o, e, no final da partida, Jorge Jesus sentenciou que a paragem

Em O INDEFECTÍVEL

destruição castelhana em outubro de 1642 e passei por Escarigo cujo martírio na Guerra da Restauração foi maior sem me deter na igreja matriz cujo teto e talha dourada valem a viagem. Foi José Saramago, em «Viagem a Portugal», que me alertou para essas joias da arte sacra numa aldeia que guarda memórias e

Em sorumb

capelinhas, tantas quantas são as estações da Via Sacra , mas que, agora, estava votado ao abandono, devido à concorrência de outros santuários mais sumptuosos e bem situados estrategicamente em lugares de acesso fácil, e ei-lo a apanhar a nova estrada de maquedame , que o levaria, já depois de uma légua a

Em Alpendre da Lua

proporciona critérios bem alicerçados para os ouvintes ficarem habilitados no discernimento da realidade e da história segundo os princípios do humanismo personalista cristão. Uma ou outra vez acedeu a insistências para escrever textos introdutórios. Um deles é a Saudação para a Lusitania Sacra (1 - 1956; pp

Em Geopedrados
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Qual das seguintes frases está incorrecta? Queria um copo de água com gelo; Encomendei um colete em seda vermelha ou Vou comprar uma caixa de fósforos.
Do ponto de vista linguístico, nenhuma das frases está incorrecta, pois a preposição de pode ser usada para indicar conteúdo (ex.: copo de água, caixa de fósforos) e a preposição em pode ser usada para indicar matéria (ex.: colete em seda). A informação sobre o uso das preposições nestas expressões pode ser encontrada em obras de referência para o português, nomeadamente em dicionários gerais de língua como o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa (Lisboa: Editorial Verbo, 2001) ou o Grande Dicionário Língua Portuguesa (Porto: Porto Editora, 2004). Alguns autores, porém, consideram inadequado o uso da preposição em para expressões que indicam matéria, alegando que se trata de galicismo.



Como se designam as palavras que derivam do mesmo étimo latino como mágoa, mancha e mácula?
As palavras mágoa, mancha e mácula (a este grupo poderia acrescentar-se as palavras malha e mangra) são exemplos de palavras divergentes, isto é, palavras com o mesmo étimo latino (macula, -ae) que evoluiu para várias formas diferentes. Neste caso específico, as palavras mágoa, mancha, malha ou mangra chegaram ao português por via popular, apresentando cada uma delas diferentes fenómenos regulares de evolução: mágoa sofreu a queda do -l- intervocálico e a sonorização do -c- intervocálico (macula > *macua > *magua > mágoa); mancha sofreu a nasalização do primeiro -a-, a queda do -u- intervocálico e a palatalização do grupo consonântico -cl- (macula > *mãcula > *mãcla > mancha); malha sofreu a queda do -u- intervocálico e a palatalização do grupo consonântico -cl- em -lh- (macula > *macla > malha); mangra sofreu a nasalização do primeiro -a-, a queda do -u- intervocálico, o rotacismo do -l- e a sonorização do -c- (macula > *mãcula > *mãcla > *mãcra > mangra). A palavra mácula chegou ao português por via erudita, apresentando uma forma quase idêntica ao étimo latino.
pub

Palavra do dia

pi·chor·ra |ô|pi·chor·ra |ô|


(picho + -orra)
nome feminino

1. Pichel com bico.

2. [Portugal: Beira]   [Portugal: Beira]  Pequena cântara de barro branco, com bico.

3. [Brasil]   [Brasil]  Jogo em que os intervenientes tentam partir, de olhos vendados e com um pau, um recipiente cheio de guloseimas e prendas, pendurado acima das suas cabeças. = PINHATA

4. [Brasil]   [Brasil]  Recipiente que se enche de guloseimas e prendas, usado nesse jogo. = PINHATA

5. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Fêmea do cavalo. = ÉGUA

6. [Brasil: São Paulo]   [Brasil: São Paulo]  Falta de força ou de estímulo para agir. = INDOLÊNCIA, LASSIDÃO, PREGUIÇA

adjectivo de dois géneros e nome de dois géneros
adjetivo de dois géneros e nome de dois géneros

7. [Brasil: São Paulo]   [Brasil: São Paulo]  Que ou quem mostra medo ou falta de coragem. = COBARDE, MEDROSO, POLTRÃOCORAJOSO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/via-sacra [consultado em 20-10-2021]