PT
BR
Pesquisar
Definições



padre

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
padrepadre
( pa·dre

pa·dre

)


nome masculino

1. [Religião] [Religião] Pessoa que ministra os sacramentos de uma igreja. = PRESBÍTERO, SACERDOTE

2. [Religião] [Religião] Doutor da Igreja.

3. [Teologia] [Teologia] A primeira pessoa da Trindade.

4. [Antigo] [Antigo] Pai.


padre espiritual

[Religião] [Religião]  Confessor.

padre eterno

[Religião] [Religião]  Deus.

santo padre

[Religião] [Religião]  O papa. = PADRE-SANTO, SUMO PONTÍFICE

etimologiaOrigem etimológica:latim pater, -tris, pai, avô.
Colectivo:Coletivo:Coletivo:clerezia, clero, padralhada, padraria.

Auxiliares de tradução

Traduzir "padre" para: Espanhol Francês Inglês

Anagramas



Dúvidas linguísticas



Como é a grafia correta das palavras horti-fruti e tutti-frutti?
A palavra hortifrúti é um regionalismo brasileiro e corresponde à redução do adjectivo hortifrutigranjeiro, ou seja, “que é relativo a produtos da horta, do pomar ou da granja”. Esta palavra está atestada no Dicionário Houaiss e no Vocabulário Ortográfico da Academia Brasileira de Letras e deve ser acentuada graficamente no u, pois termina em i e, se não fosse acentuada, ler-se-ia *hortifrutí (o asterisco indica incorrecção).

Tutti frutti é uma locução italiana (não uma palavra hifenizada) que desempenha função substantiva (ex.: gelado de tutti frutti) ou adjectiva (ex.: sumo tutti frutti); significa literalmente “todos os frutos” e designa uma mistura de vários frutos ou de vários aromas de frutos.




Numa frase: o fulano leva-nos o dinheiro todo. Eu quero abreviar: o fulano leva-no-lo todo. Será correcto?
Como poderá constatar na Gramática do Dicionário Priberam da Língua Portuguesa, na secção Pronomes, o pronome clítico de complemento directo de terceira pessoa masculino é o, sendo que, quando é antecedido de uma forma verbal ou de outro clítico terminado em s, se lhe acrescenta um l (ex.: leva-nos o dinheiro = leva-no-lo; comprou-vos o terreno = comprou-vo-lo; chamámos o professor = chamámo-lo). A mesma regra se aplica, obviamente, em caso de flexão do pronome clítico em questão (ex.: leva-nos as malas = leva-no-las; comprou-vos a casa = comprou-vo-la; chamámos os professores = chamámo-los).