Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

mina

minamina | n. f.
minamina | n. m.
minamina | adj. 2 g. | n. 2 g. | n. m.
3ª pess. sing. pres. ind. de minarminar
2ª pess. sing. imp. de minarminar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

mi·na mi·na 1


(francês mine)
nome feminino

1. Veio ou depósito natural de minérios. = JAZIGO

2. Conjunto de trabalhos realizados para extrair esses minérios.

3. Galeria construída para fazer esses trabalhos.

4. Nascente de água.

5. Galeria estreita para trazer subterraneamente a água de uma nascente.

6. Fonte de riquezas.

7. Negócio lucrativo.

8. Preciosidade.

9. Tesouro oculto.

10. Indivíduo que se deixa explorar.

11. Pequeno ponteiro de grafite para lápis ou lapiseiras.Ver imagem

12. [Armamento]   [Armamento]  Engenho de guerra explosivo que é detonado por contacto (ex.: mina anticarro; mina antipessoal).

13. [Militar]   [Militar]  Cavidade que, cheia de pólvora, faz ir pelos ares o que há por cima.

14. [Militar]   [Militar]  Caminho subterrâneo para levar os sitiantes ao lugar sitiado.

15. [Brasil]   [Brasil]  Mulher, geralmente jovem.

16. [Brasil]   [Brasil]  Mulher que sustenta o amásio.

17. [Brasil]   [Brasil]  Amante de gatuno ou rufião.


mina de ouro
Escavação para extrair ouro.

Aquilo que permite ganhar muito dinheiro.

mina submarina
Engenho bélico, contendo matérias explosivas, que se mergulha no mar, para explodir um navio.

mina terrestre
Engenho de guerra explosivo que se camufla no solo e que é detonado com a aproximação de pessoas ou veículos.


mi·na mi·na 2


(latim mina, -ae)
nome masculino

1. Medida agrária de gregos e romanos.

2. Peso e moeda dos gregos.


mi·na mi·na 3


([São Jorge da] Mina, topónimo [fortaleza em Elmina, cidade do Gana])
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

1. Relativo aos minas, povo que habita uma região do Togo e do Benim.

nome de dois géneros

2. Indivíduo dos minas.

nome masculino

3. [Linguística]   [Lingüística]   [Linguística]  Língua do antigo Daomé, falada pelos minas.


mi·nar mi·nar 2


(árabe manar, de manara, sítio onde está a luz, lanterna, farol)
nome masculino

Torre de mesquita, de onde os fiéis são chamados à oração.Ver imagem = ALCORANA, ALMÁDENA, ALMENARA, MINARETE


mi·nar mi·nar 1

- ConjugarConjugar

(mina + -ar)
verbo transitivo

1. Abrir mina em.

2. Cavar por baixo de.

3. [Figurado]   [Figurado]  Corroer.

4. Invadir ocultamente.

5. Amofinar, atormentar.

6. Impedir propositadamente o êxito de algo ou alguém; agir para prejudicar algo ou alguém (ex.: os boatos pretendem minar a imagem do candidato). = SABOTAR

7. [Militar]   [Militar]  Colocar, no solo ou na água, minas ou engenhos explosivos que se podem detonar por contacto, geralmente de pessoas ou veículos.DESMINAR

verbo intransitivo

8. Lavrar ou conquistar terreno lentamente. = ALASTRAR, ESPALHAR-SE, PROPAGAR-SE

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "mina" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Anagramas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Dez mortos em desabamento ocorrido em mina de carvão na China Rússia nega a Ancara envolvimento no ataque contra o porto...

Em A RODA

– Estate Mina – Estate Club Des Belugas & Anna Luca – The Road Is Lonesome Arto...

Em R

...na floresta portuguesa ao longo de todo o ano e tornaram-se um espectro que mina o poder negocial do proprietário..

Em BioTerra

...cozinha Chama-se mainato Se mudar de vida Vai para o contrato No fundo da mina Fica mais barato Quando já for velho Chama-se tratante Dá-se-lhe aguardente Morre num instante..

Em CP - Cromos de Portugal

" Diário do Nordeste Projeto de mina de ouro no Ceará avança e pode gerar mais de 1..

Em Rede Brasil de Noticias - O Point da Informação
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Nesta locução latina, qual das formas está correta: "status quo" ou "statu quo"?
A grafia correcta, atestada pelos principais dicionários de língua portuguesa, é statu quo e significa “o estado das coisas em determinado momento”. Esta locução, que se fixou por influência da área diplomática, é redução da expressão latina in statu quo ante que significa “no estado em que se encontrava antes”.

Em português (e em outros idiomas como o francês ou o espanhol), a locução statu quo perdeu o valor adverbial latino e adquiriu valor de substantivo (ex.: A manifestação não representa uma ruptura do statu quo), o que pode estar na origem do aparecimento da forma status quo.

Em latim (e noutras línguas declináveis, como o alemão ou o russo) as funções sintácticas são assinaladas morfologicamente: as diferentes desinências da palavra indicam se ela está a ser usada na posição de sujeito (através do caso nominativo, como em status), de complemento directo (através do caso acusativo, como em statum), de complemento indirecto (através do caso dativo, como em statui), de complemento circunstancial (através do caso ablativo, como em statu), etc. Assim, como a locução passou a ter valor de substantivo, a forma status quo, difundida maioritariamente pelo inglês, e considerada preferencial apenas pelo Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa (Curitiba: Positivo, 2004), transmitiria essa mudança de significado, já que statu significa “no estado” e não “o estado”. Esta justificação é questionável porque (i) estamos perante a redução de uma outra locução latina, em que há exigência de ablativo após a preposição latina in (“em”), e porque (ii) existem outros casos de palavras e expressões latinas que se fixaram como substantivos no português com a forma de casos que não o nominativo. Exemplos disso são a expressão anno Domini (literalmente, “no ano do Senhor”) que se usa para referir a era cristã, sendo composta pelo ablativo de annus “ano” e pelo genitivo de dominus “senhor”, bem como a palavra quórum, de quorum, genitivo masculino plural do pronome relativo qui, quae, quod “que”.

A locução statu quo não deve porém ser confundida com a palavra isolada status, que significa (i) “estatuto” (ex.: A categoria do trabalhador corresponde ao seu status na empresa) e (ii) “prestígio” (ex.: Exibia nas festas os símbolos do status recém-adquirido por casamento).




O verbo intervir conjuga-se da mesma forma que o verbo vir? Sendo assim, qual é o seu particípio passado (caso tenha)?
O verbo intervir conjuga-se como o verbo vir, com a particularidade de se grafar com acento agudo na segunda e terceira pessoas do presente do indicativo (intervéns, intervém); esta particularidade é comum a todos os outros verbos derivados de vir ou do verbo latino venire (são os casos, por exemplo, de advir, avir, convir, desconvir, devir, provir, sobrevir). O particípio passado destes verbos também segue o paradigma de vir/vindo, sendo então intervindo o particípio passado de intervir (ex.: tinha intervindo brilhantemente no debate). Poderá esclarecer esta e outras dúvidas de conjugação seguindo a hiperligação para o verbo intervir no Dicionário Priberam da Língua Portuguesa e clicando em seguida na opção Conjugar que se encontra imediatamente acima da definição do verbo.
pub

Palavra do dia

lha·nu·ra lha·nu·ra


(lhano + -ura)
nome feminino

1. [Pouco usado]   [Pouco usado]  Qualidade do que é sincero, despretensioso ou amável. = LHANEZA

2. [Pouco usado]   [Pouco usado]  Superfície plana. = PLANURA

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/mina [consultado em 12-08-2022]