PT
BR
Pesquisar
Definições



impostado

A forma impostadopode ser [masculino singular particípio passado de impostarimpostar] ou [adjectivoadjetivo].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
impostadoimpostado
( im·pos·ta·do

im·pos·ta·do

)


adjectivoadjetivo

1. Que se impostou.

2. [Música] [Música] Que está na sua plenitude, sem tremores ou vacilações ou de acordo com as técnicas do canto (ex.: voz impostada).

sinonimo ou antonimoSinónimoSinônimo geral: EMPOSTADO

etimologiaOrigem etimológica:particípio de impostar.
impostarimpostar
( im·pos·tar

im·pos·tar

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. [Música] [Música] Fixar o tom nas cordas vocais, para que a voz saia na sua plenitude, sem tremores ou vacilações.

2. [Música] [Música] Fazer soar a voz de acordo com as técnicas do canto.

3. [Teatro] [Teatro] Impor (o realizador ou encenador) um determinado estilo a (um espectáculo ou actor).

sinonimo ou antonimoSinónimoSinônimo geral: EMPOSTAR

etimologiaOrigem etimológica:italiano impostare.


Dúvidas linguísticas



Na frase Os únicos defeitos dela são ser chata e teimosa estou em dúvida quanto ao uso da palavra único no plural.
O substantivo defeito é masculino (ex.: o copo tem um defeito) e o adjectivo único concorda em género e número com o substantivo que modifica (ex.: nestas férias não leu um único livro, vendeu as únicas jóias que possuía), pelo que a frase Os únicos defeitos dela são ser chata e teimosa está correcta.



Em qual destas frases existe um erro de sintaxe? Há negócios cujas vantagens parecem evidentes; O negócio onde o meu pai está envolvido dá prejuízo.
As gramáticas e os dicionários de língua portuguesa, como o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea ou a Gramática da Língua Portuguesa (p. 664), indicam que o advérbio ou pronome relativo onde expressa unicamente valores locativos, isto é, está relacionado com a noção de lugar físico, pelo que a segunda frase que refere (o negócio onde o meu pai está envolvido dá prejuízo) pode ser de alguma forma considerada menos correcta, já que “negócio” não é, neste contexto, um espaço físico, mas um substantivo abstracto. Nessa frase, as locuções adverbiais relativas em que ou no qual podem ser tidas como mais adequadas (o negócio em que/no qual o meu pai está envolvido dá prejuízo).

A primeira frase (há negócios cujas vantagens parecem evidentes) não apresenta qualquer tipo de agramaticalidade ou incorrecção sintáctica.