PT
BR
Pesquisar
Definições



focais

Será que queria dizer Foçais?

A forma focaispode ser [masculino e feminino plural de focalfocal] ou [segunda pessoa plural do presente do indicativo de focarfocar].

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
focarfocar
( fo·car

fo·car

)
Conjugação:regular.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Pôr em foco. = ENFOCAR

2. Tomar por foco.

3. [Física] [Física] Fazer convergir para um ponto ou foco.

4. [Fotografia] [Fotografia] Ajustar um sistema óptico para obter uma imagem mais nítida.


verbo transitivo e pronominal

5. Concentrar ou concentrar-se.

sinonimo ou antonimoSinónimoSinônimo geral: FOCALIZAR

etimologiaOrigem etimológica:foco + -ar.
focalfocal
( fo·cal

fo·cal

)


adjectivo de dois génerosadjetivo de dois géneros

Do foco ou a ele relativo.

etimologiaOrigem etimológica:foco + -al.

Auxiliares de tradução

Traduzir "focais" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Como devo falar ou escrever: "o Departamento a que pertence o funcionário" ou "o Departamento ao qual pertence o funcionário".
Nenhuma das expressões que refere está incorrecta, uma vez que, em orações subordinadas adjectivas relativas, o pronome relativo que pode, de uma maneira geral, ser substituído pelo seu equivalente o qual, que deverá flexionar em concordância com o género e número do antecedente (ex.: os departamentos aos quais pertence o funcionário). No caso em questão, o pronome relativo tem uma função de objecto indirecto do verbo pertencer, que selecciona complementos iniciados pela preposição a, daí que os pronomes que e o qual estejam antecedidos nestas expressões por essa preposição (a que e ao qual).

É de notar que a utilização da locução pronominal o qual e das suas flexões não deve ser feita quando se trata de uma oração relativa adjectiva restritiva que não é iniciada por preposição, isto é, quando a oração desempenha a função de um adjectivo que restringe o significado do antecedente (ex.: o departamento [que está em análise = analisado] vai ser reestruturado; *o departamento o qual está em análise vai ser reestruturado [o asterisco indica agramaticalidade]).




Numa frase em que se queira dizer para não continuar ou não voltar a ser escravo/servo de algo ou alguém, está correto "não sirvamos mais o.." ou "não sirvamos mais ao..."? Que opção está correta e porquê?
De acordo com o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa ou com o Novo Dicionário Aurélio, o verbo servir, nas acepções “trabalhar como servo”, “fazer de criado” ou “prestar serviços ou trabalhar como empregado”, pode ser transitivo indirecto, isto é, selecciona argumentos iniciados por preposição (ex.: deixou de servir àquela família), transitivo directo, isto é, selecciona objectos directos não iniciados por preposição (ex.: serviu a família durante 20 anos) e intransitivo, isto é, admite construções sem complemento nominal (ex.: ele estava ali para servir). Assim sendo, ambas as construções que refere podem ser consideradas correctas.