Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

confabulação

confabulaçãoconfabulação | n. f.
derivação fem. sing. de confabularconfabular
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

con·fa·bu·la·ção con·fa·bu·la·ção


nome feminino

Acto de confabular.


con·fa·bu·lar con·fa·bu·lar

- ConjugarConjugar

verbo transitivo e intransitivo

1. Conversar.

2. Entreter-se narrando fábulas.

pub

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

confabulação que necessito, para sair à rua, e ignorar todos os caminhos a não ser...

Em Inatingivel

...estou pronto a magoar-me de novo, não ocorre nada do lado de lá da confabulação , e por aqui pesa a facilidade em não ter nada,..

Em Inatingivel

...prosperidade (mais dos proprietários da fábrica do que a sua – é a tua confabulação , uma reminiscência mal

Em O felino

porta-voz de uma confabulação interna entre os tucanos, no sentido de que teriam fazer alguma coisa para mitigar...

Em Altamiro Borges

Será apenas a saudade que me leva a esta confabulação ou é esta fábula, transvestida de híper realidade, que me traz

Em Ai Portugal Portugal!
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Estou tentando descobrir a abreviatura de meritíssimo, mas não encontro no site. Será que não estou sabendo procurar?
Como abreviatura de meritíssimo, adjectivo usado no tratamento ou referência a juízes, é possível utilizar M.mo ou MM. Para o feminino, as formas M.ma ou MMª são possíveis, embora também se use MM, sem qualquer índice a indicar o feminino.



Acho que se escreve boa fé e má fé e não boa-fé e má-fé, como sugere o dicionário. Estou certo?
A tradição lexicográfica portuguesa consagrou o uso do hífen em boa-fé e em má-fé e são estas grafias que aparecem registadas nas principais obras de referência da língua portuguesa contemporânea, nomeadamente em vocabulários, como o Vocabulário da Língua Portuguesa, de Rebelo Gonçalves (Coimbra: Coimbra Ed., 1966) ou o Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado (Lisboa: Ed. Âncora, 2001), e em dicionários, como o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa (Lisboa: Verbo, 2001), o Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (Lisboa: Círculo de Leitores, 2002) ou o Novo Dicionário Aurélio de Língua Portuguesa (Curitiba: Positivo, 2004).

O uso do hífen é problemático para os utilizadores da língua, pois obedece a regras pouco evidentes e algo contraditórias e é por vezes ditado por uma tradição lexicográfica que os falantes desconhecem. No caso específico de boa-fé, esta dificuldade torna-se evidente numa pesquisa em corpora ou em motores de busca da internet, podendo observar-se a ocorrência da palavra hifenizada a par da locução boa fé, inclusivamente em textos jurídicos. Estes casos, não estando previstos nas bases do Acordo Ortográfico que regulam o uso do hífen, regem-se geralmente pela tradição lexicográfica, motivo pelo qual é aconselhável optar pela grafia boa-fé, atestada na maioria das obras de referência, em detrimento da locução boa fé.

pub

Palavra do dia

mor·cas |ô|mor·cas |ô|


(espanhol morca, borra do azeite)
nome masculino de dois números

1. [Informal, Depreciativo]   [Informal, Depreciativo]  Pessoa preguiçosa ou sem iniciativa. = BANANA, MANDRIÃO

2. [Informal, Depreciativo]   [Informal, Depreciativo]  Pessoa que mostra falta de inteligência. = IDIOTA, IMBECIL, INHENHO, LORPA, PARVO


SinónimoSinônimo Geral: MORCÃO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/confabula%C3%A7%C3%A3o [consultado em 17-01-2022]