Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

chora-lua

chora-luachora-lua | n. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

cho·ra·-lu·a cho·ra·-lu·a


(forma do verbo chorar + lua)
nome masculino

[Brasil]   [Brasil]   [Ornitologia]   [Ornitologia]  Designação comum às aves da família dos nictibiídeos, de hábitos nocturnos, tamanho médio, cabeça grande e corpo pequeno, asas e cauda longas, patas curtas, encontradas na América do Sul. = URUTAU

Plural: chora-luas.Plural: chora-luas.
pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

Equilibrista - Elis Regina João Bosco & Aldir Blanc Caía a tarde feito um viaduto E um bêbado trajando luto Me lembrou Carlitos A lua , tal qual a dona do bordel, Pedia a cada estrela fria Um brilho de aluguel E nuvens, lá no mata-borrão do céu, Chupavam manchas torturadas, que sufoco! Louco, o bêbado com

Em Geopedrados

3 Intérprete Criador(a): Guadalua Cornejo Título: Processo (s) Dentro de uma banheira, sob a luz da Lua refletida em fragmentos de vidro, uma mulher trança seus cabelos. Submersa em seu tempo, trança também pensamentos: Onde começa o que se sente? Isso muda à medida que acontece? É sério que

Em Casa das Artes

Serviços públicos Yara chegou. As dores começaram por volta das nove da noite e às duas da manhã ela já estava dando o primeiro choro, com a chegada do oxigênio nos pulmões. Tempo de lua cheia, a maternidade previamente escolhida estava inteiramente ocupada por crianças nascidas nos dias anteriores

Em VARAL de IDÉIAS

espalhou a angústia E a lua escondeu a cara. Em sudário de crespelho (Cor de sangue e viva brasa) Jaz o rapaz de veludo À espera da madrugada. Sobre o olhar ambarino Cortinas de longa franja; Sua boca é uma ferida, Amarga flor de genciana - Flor da Senhora das Neves A da Sagrada Montanha; Sobre o seu peito

Em Geopedrados

-se de uma forma mais natural. in Wikipédia Responso I Num castelo deserto e solitário, Toda de preto, às horas silenciosas, Envolve-se nas pregas dum sudário E chora como as grandes criminosas. Pudesse eu ser o lenço de Bruxelas Em que ela esconde as lágrimas singelas. II É loura como as doces escocesas

Em Geopedrados
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Gostaria de tirar uma dúvida sobre a grafia da cidade marroquina de Marraqueche. Gostaria ainda de saber se está correcto escrever assim sem antepor artigos a todos estes países: ...designadamente França, Itália, Espanha, Malta...
A grafia do topónimo marroquino deveria ser, segundo Rebelo Gonçalves no Vocabulário da Língua Portuguesa de 1966, Marráquexe, mantendo a acentuação esdrúxula da língua de origem. Podemos no entanto verificar, através de pesquisas em corpora e motores de busca, que esta forma é muito pouco usada em português, sendo a forma Marraquexe muito mais usual (esta acentuação grave é considerada por alguns um galicismo, mas na verdade aproxima-se também da acentuação mais regular do português).

Em relação ao uso de artigo antes de certos topónimos, ela é discutível e é difícil encontrar critérios coerentes que a regulem, mas em enumerações como a que refere é muito normal não haver utilização de artigo (ex.: Diversos países assinaram o acordo, designadamente França, Itália, Espanha e Malta). Noutros contextos, as gramáticas são pouco claras, pois é difícil estabelecer critérios exaustivos. Os países referidos, porém, surgem frequentemente na lista de topónimos que no português de Portugal dispensam artigo (ex.: Ele está em França; Foi a Malta nas férias) ao contrário de outros que o exigem (ex.: Ele está no Brasil; Foi à Argentina nas férias).




Gostaria que me informassem se se diz "à última da hora" ou "à última hora".
A locução adverbial à última hora é considerada usualmente como a expressão correcta para significar "no último momento possível" ou "quando se pensava já não ser possível", em detrimento da locução à última da hora, considerada incorrecta por alguns autores, apesar de o Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências registar ambas as locuções: à última hora no verbete hora; à última da hora nos verbetes hora e último.
O principal argumento utilizado para considerar a primeira mais correcta do que a segunda é o facto de, em à última hora, o adjectivo último estar a qualificar o substantivo hora, no sentido de "que vem depois de todos". Em à última da hora, a palavra última corresponde a um substantivo, que habitualmente não é registado nos dicionários com este significado. No entanto, o substantivo última tem, nesta locução, um significado que se aproxima daquele que é usado (e dicionarizado) no substantivo plural últimas, usado em expressões como nas últimas ou às últimas. Sob este ponto de vista, a locução à última da hora é parafraseável por “nos últimos momentos da hora” ou “no limite da hora” e, assim sendo, o seu uso não pode ser condenado.
À semelhança do substantivo última, há um conjunto considerável de palavras que se empregam quase exclusivamente em locuções mais ou menos fixas, o que não lhes retira correcção. São os casos, por exemplo, do adjectivo alhas, em palhas alhas; do substantivo arrecuas, em às arrecuas; ou dos substantivos comes e bebes, na locução comes e bebes, entre muitos outros.

pub

Palavra do dia

su·ma·ca su·ma·ca


(neerlandês smak)
nome feminino

[Náutica]   [Náutica]  Embarcação rasa e ligeira, de dois mastros, usada especialmente na América do Sul (ex.: sumacas de cabotagem fluvial).

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/chora-lua [consultado em 29-01-2022]