Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

bom-bocado

bom-bocadobom-bocado | n. m.
bocadobocado | n. m.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

bom·-bo·ca·do bom·-bo·ca·do


nome masculino

1. [Culinária]   [Culinária]  Variedade de doce feito de açúcar, amêndoas pisadas, gemas de ovos e chila.

2. [Culinária]   [Culinária]  Variedade de bolo pequeno, feito à base de leite, farinha e ovos sobre uma base de massa quebrada.

Plural: bons-bocados.Plural: bons-bocados.

bo·ca·do bo·ca·do


(boca + -ado)
nome masculino

1. Porção de comida que se pode meter de uma vez na boca. = BOCADA

2. [Por extensão]   [Por extensão]  Alguma comida.

3. Parte do freio que entra na boca.

4. Pouco tempo (só o tempo de comer um bocado).

5. Pedaço.


bocado sem osso
Pechincha; coisa excelente.

bom bocado
Bom prato.

pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

iniciativa da câmara e associados. No dia seguinte tive um evento particular em Gondomar e em Tavira toquei com público, [num concerto] também da câmara. É um bocado estranho ver as pessoas todas de máscara. Eu próprio experimentei pela primeira vez, já que sou um privilegiado e não tenho de andar todo o dia

Em ATENTO

dentro tentou desestabilizar" a sua "amizade com o Trapattoni". "Um adjunto tem de colaborar quando há confiança com o treinador principal", afirmou Álvaro Magalhães, realçando que, nessa altura, na Luz, "criaram uma situação um bocado complicada". "Na altura, os treinos eram no Estádio Nacional e o

Em Fora-de-jogo

branco por Portugal. A saída de Alvalade. "Senti-me um bocado triste e injustiçado...". Atualmente ao serviço do Granada, em Espanha, Luís Maximiano tem ainda bem vivas as memórias da última temporada em Alvalade, que culminou com a conquista do título de campeão nacional, mas que a nível individual

Em Fora-de-jogo

política no mundo atual”. E no jogo da política, “o perfeito é inimigo do bom ”. A expressão foi usada pelo vice-presidente da Comissão Europeia, Frans Timmermans, e pelo enviado especial dos Estados Unidos , John Kerry, para justificar que era melhor aceitar um Pacto com falhas do que não ter nenhum. Por

Em BioTerra

a presença da spice e o calor insuportável do planeta. Só tenho pena dos efeitos ópticos ficarem aquém até do que se fazia na altura, tornando todas as cenas no espaço um bocado de fazer dó e que quebram a magia do que está tecnicamente muito bom no resto do filme. No novo Dune , é tudo muito lavado

Em TV-child
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


O que quer dizer metrossexual?
O termo metrossexual (neologismo formado a partir de metropolitano + heterossexual) foi, ao que consta, usado pela primeira vez em 1994 pelo escritor britânico Mark Simpson, para designar um homem heterossexual, entre os 25 e os 45 anos, que vive nas grandes cidades (metrópoles), dotado de um acentuado sentido estético que se reflecte no seu aspecto físico e no seu estilo de vida, com tempo e dinheiro para gastar em roupas de marca, produtos de beleza e até cirurgia estética. O futebolista David Beckham é apontado como o metrossexual por excelência.



Gostaria de ser esclarecido, ou ver discutida a questão, quanto à forma correcta de escrever a palavra portuguesa que se refere aos órgãos de comunicação social como sector, ou seja, media. Ou será média? Ex: Educação para os Média ou Educação para os Media? Ou Os media portugueses ou Os média portugueses?
A questão colocada diz respeito à problemática do aportuguesamento de palavras estrangeiras, neste caso do inglês media, para designar os meios de comunicação social de massas, cujo alcance pode verificar-se na maneira como as obras lexicográficas para o português europeu tratam o assunto.

O Grande Vocabulário da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado, regista as formas media e média como substantivo masculino plural. O Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa (2001) registou o substantivo masculino plural media, não aportuguesando a ortografia, mas com a pronúncia aportuguesada em ['m3], como a vogal de pé, diferente da pronúncia ['mi], do inglês e do substantivo feminino mídia, consagrada nas obras lexicográficas para o português do Brasil. O Dicionário Houaiss, na sua edição portuguesa (2002), remete a forma media para média, como substantivo masculino de dois números (ex.: o semanário é um média de referência; os média trataram o assunto de forma heterogénea), observando que "apesar de o plural regular ser médias, em Portugal está consagrado o uso do plural latino na forma média (s.m.pl.)". O Grande Dicionário Língua Portuguesa (2004) admite apenas o substantivo média como plural, não registando sequer a forma media. O Dicionário Verbo Língua Portuguesa (Lisboa: Verbo, 2006) regista apenas media, à semelhança do Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa, como de resto acontece em grande número de opções do dicionário.

O panorama acima parece indicar que há uma tendência para a estabilização da forma média como substantivo masculino plural, mas a pesquisa em corpora e motores de busca da internet indica que a ocorrência da forma media continua a ser muito superior à de média, no mesmo contexto. Não havendo consenso no registo lexicográfico, a decisão de utilização de uma ou outra forma caberá sempre ao utilizador da língua, devendo este manter a opção que tomar, pelo menos dentro do mesmo texto ou documento, por uma questão de coerência ortográfica. No caso de optar pela forma media, deverá utilizar o itálico ou as aspas como forma de assinalar que se trata de um estrangeirismo, o que neste caso é especialmente importante, uma vez que a forma media é ambígua com formas do imperfeito do verbo medir (eu/ele media). Como argumento adicional para a coerência ortográfica na escolha da forma a adoptar poderá estar também o facto de a palavra multimédia, cuja origem etimológica é análoga à de media > média, estar registada com esta forma em todos os dicionários acima referidos, sem que nenhum deles registe a forma inglesa multimedia.

pub

Palavra do dia

fa·u·len·to |a-ù|fa·u·len·to |a-ù|


(faúla + -ento)
adjectivo
adjetivo

Que lança faúlas ou fagulhas. = FAGULHENTO, FAULHENTO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/bom-bocado [consultado em 08-12-2021]