Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

Bola

bolabola | n. f.
bolabola | n. f. | n. f. pl. | interj.
3ª pess. sing. pres. ind. de bolarbolar
2ª pess. sing. imp. de bolarbolar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

bo·la |ô|bo·la |ô|2


(alteração de bolo)
nome feminino

1. Pão pequeno, redondo e chato.

2. Bolo ou pão feito geralmente com carnes (ex.: bola de chouriço).Ver imagem

3. Queijo grande e fresco de leite de ovelha.

4. [Informal]   [Informal]  O mesmo que palmatoada.

Confrontar: bula.

bo·la |ó|bo·la |ó|1


(latim bulla, -ae, bolha de ar)
nome feminino

1. Objecto redondo ou oval, geralmente feito de borracha, couro ou material semelhante, cheio de ar, com que se podem praticar vários desportos como andebol, basquetebol, futebol, hóquei, râguebi, etc. (o seu tamanho depende da modalidade a que se destina).Ver imagem

2. Qualquer objecto de formato arredondado.Ver imagem

3. [Farmácia]   [Farmácia]  Pílula de grande tamanho, geralmente de consistência pastosa. = BOLO, BÓLUS

4. [Informal]   [Informal]  Jogo de futebol (ex.: foram ver a bola no café).

5. [Informal]   [Informal]  Cabeça; juízo.

6. [Informal]   [Informal]  Pessoa baixa e gorda.

7. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Dinheiro que se oferece a alguém em troca de favor ou negócio lucrativo, geralmente ilícito. = SUBORNO


bolas
nome feminino plural

8. Rodelas combustíveis feitas com cisco de carvão.

9. [Informal]   [Informal]  Testículos.

10. [Brasil]   [Brasil]  Espécie de laço.

11. [Brasil]   [Brasil]   [Zoologia]   [Zoologia]  Tatu.

interjeição

12. Exprime enfado, irritação, impaciência ou desagrado (ex.: bolas, já não cheguei a tempo).


bola da vez
[Brasil]   [Brasil]   [Jogos]   [Jogos]  Bola que deve ser metida no buraco, em jogos de bilhar e afins.

bola de capão
[Informal]   [Informal]  Bola de couro, geralmente por oposição a bolas improvisadas, feitas geralmente de trapos.

bola de cristal
Esfera de vidro ou cristal, usada alegadamente para fazer previsões.

bola de gude
[Brasil]   [Brasil]  Pequena esfera usada no jogo do berlinde. = BERLINDE

bola de neve
Aquilo que aumenta progressivamente.

bola suíça
Bola insuflável de borracha, de grandes dimensões, usada em exercícios físicos e fisioterapia.Ver imagem

jogo da bola
Certo jogo em que se derrubam paulitos com bolas grandes de pau.

não ir à bola com
Não gostar de; implicar com.

picar a bola
Impelir a bola com o taco.

Dar um toque na bola de forma a provocar um efeito especial.

Confrontar: bula.

bo·lar bo·lar 1

- ConjugarConjugar

(bola + -ar)
verbo transitivo

1. Acertar (no alvo) com a bola. = SERVIR

2. Atingir com bola.

3. Dar a forma de bola a. = ABOLAR, BOLEAR

4. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Conceber, inventar (ex.: bolei um plano fantástico).

5. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Compreender, entender (ex.: você bolou alguma coisa do que ela escreveu?).

verbo intransitivo

6. [Desporto]   [Esporte]  Lançar a bola em jogo.

7. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]  Ter sucesso ou lucro; ser bem-sucedido. = ACERTAR


bo·lar bo·lar 2


(bolo + -ar)
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

Diz-se da terra argilosa, também chamada bolo-arménio.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "Bola" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

O contacto com a bola só voltou a ser feito já no relvado de Alvalade durante o aquecimento..

Em Fora-de-jogo

...a chegada de João Mário, as águias adquiriram uma solidez defensiva sem e com bola muito grande..

Em O INDEFECTÍVEL

Contra o Spartak Roman remata, a bola bate em 2 defesas e entra;;

Em O INDEFECTÍVEL

Depois, ao minuto 35, o Cryzan é tocado na área, numa bola que está

Em Fora-de-jogo

de Dubois – dominou no peito, deixou a bola quicar e mandou um foguete no ângulo de Sels..

Em www.brasilyonnais.com.br
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Estou estudando verbos, mas aprendi que existem 3 modos verbais; aqui neste site, vi que tem mais que três. Ainda não conhecia o que está aqui neste site. Por favor, gostaria que me explicasse. O que eu conheço são os modos no indicativo, subjuntivo e o imperativo.
Tal como é afirmado na Gramática Priberam, no capítulo sobre os Modos dos Verbos, são geralmente considerados pelos gramáticos três modos verbais: o indicativo (ex.: ele foi a São Paulo), o conjuntivo ou subjuntivo (ex.: talvez haja boas notícias) e o imperativo (ex.: come a sopa!). Há, no entanto, autores que referem que o condicional ou futuro do pretérito, o futuro do indicativo e o infinitivo podem também eles apresentar valores modais em certos contextos.

A divisão patente na conjugação dos verbos do Dicionário Priberam e no conjugador do FLiP apresenta uma categorização mista entre modos, tempos e formas nominais do verbo. Iremos, no entanto, repensar esta categorização para que os nossos usuários não sejam induzidos em erro.




Sempre aprendi que o correto era falar supérfulo. Porém de uns anos para cá vejo pessoas falando supérfluo e sempre imaginei que elas estavam falando errado. Procurei no dicionário Priberam e vi que supérfulo não existe. Está incorreto mesmo? Realmente não existe? Se eu falar vou passar vergonha? Sempre aprendi que assim era correto e sentirei dificuldade de falar supérfluo pois sempre imaginei ser errado. Podem me ajudar e me dizer qual das pronúncias está correta e se supérfulo realmente está errado?
A única forma correcta e atestada em dicionários é supérfluo, adjectivo derivado do latim superfluus.
O fenómeno que acontece em supérfluo, quando erradamente pronunciado ou escrito *supérfulo, é denominado por metátese e corresponde a uma troca de letras ou sons no interior de uma palavra. Há casos em que a metátese reflecte uma mudança linguística, isto é, corresponde efectivamente a uma alteração na evolução de uma palavra enquadrada na história da língua (é o caso, por exemplo, do advérbio latino semper que evoluiu para o português sempre). Não parece, porém, tratar-se de mudança linguística o que acontece com a metátese em supérfluo, quando pronunciado ou escrito *supérfulo. Em português, a estrutura regular de uma sílaba é uma sequência consoante-vogal (ex.: ba-ta-ta); há inúmeros casos que não seguem esta estrutura, mas esta é estatisticamente aquela que é mais frequente. Por este motivo, muitos falantes tendem a manter este padrão na pronúncia e a sequência consonântica -fl- seguida da sequência vocálica -uo em supérfluo é transformada numa sequência consoante-vogal-consoante-vogal (-fulo), fazendo uma regularização silábica abusiva e originando uma forma incorrecta *supérfulo.

Poderá consultar também outra resposta sobre o mesmo assunto em pronúncia de impregnar.

pub

Palavra do dia

war·fa·ri·na war·fa·ri·na


(inglês warfarin, de W[isconsin] A[lumni] R[esearch] F[oundation], sociónimo + [cum]arin, cumarina)
nome feminino

[Química]   [Química]  Substância (C19H16O4) usada como anticoagulante na prevenção de tromboses e na composição de raticidas. = VARFARINA

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/Bola [consultado em 24-09-2021]