Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

preguiça-de-dois-dedos

preguiça-de-dois-dedospreguiça-de-dois-dedos | n. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

pre·gui·ça·-de·-dois·-de·dos pre·gui·ça·-de·-dois·-de·dos


nome feminino

[Zoologia]   [Zoologia]  Designação comum aos mamíferos arborícolas desdentados da família dos megaloniquídeos, pertencentes ao género Choloepus, de movimentos lentos, com dois dedos nas patas anteriores e três dedos nas patas posteriores, encontrados na América Central e do Sul.

Plural: preguiças-de-dois-dedos.Plural: preguiças-de-dois-dedos.
pub

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

saber: será sempre um equívoco tentar problematizar os dramas do cinema português a partir de uma única entidade, supostamente conhecida, supostamente uniforme e unívoca, a que, por ignorância, preguiça ou chantagem, se dá o nome de “público”. Arte e cultura Não tenho soluções mágicas (aliás, nem

Em sound + vision

olhos azuis, vem, serenidade! Com as horas maiúsculas do cio, com os músculos inchados da preguiça , vem, serenidade! Vem, com o perturbante mistério dos cabelos, o riso que não é da boca nem dos dentes mas que se espalha, inteiro, num corpo alucinado de bandeira. Vem, serenidade, antes que os passos da

Em Geopedrados

irmã filha da minha mãe, dois irmãos filhos do meu pai. Têm 20, 21 e 26. Sou a mais nova e recebo o mimo deles todos, mas às vezes também me põem na ordem. As minhas características: não sou tímida e não falo muito. Nos trabalhos, como estudo e como sei, sinto-me segura. Quando faço uma prova de

Em anabelamotaribeiro.pt

falta de recursos. 12Ela lhe dá só alegria e nenhum desgosto, todos os dias de sua vida. 13Procura lã e linho, e com habilidade trabalham as suas mãos. 19Estende a mão para a roca e seus dedos seguram o fuso. 20Abre suas mãos ao necessitado e estende suas mãos ao pobre. 30O encanto é enganador e a

Em Blog da Sagrada Família

do cio, com os músculos inchados da preguiça , vem, serenidade! Vem, com o perturbante mistério dos cabelos, o riso que não é da boca nem dos dentes mas que se espalha, inteiro, num corpo alucinado de bandeira. Vem, serenidade, antes que os passos da noite vigilante arranquem as primeiras unhas da

Em O Cheiro da Ilha
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Estou tentando descobrir a abreviatura de meritíssimo, mas não encontro no site. Será que não estou sabendo procurar?
Como abreviatura de meritíssimo, adjectivo usado no tratamento ou referência a juízes, é possível utilizar M.mo ou MM. Para o feminino, as formas M.ma ou MMª são possíveis, embora também se use MM, sem qualquer índice a indicar o feminino.



Diz-se "vendem-se casas" ou "vende-se casas"?
Do ponto de vista exclusivamente linguístico, nenhuma das duas expressões pode ser considerada incorrecta.

Na frase Vendem-se casas, o sujeito é casas e o verbo, seguido de um pronome se apassivante, concorda com o sujeito. Esta frase é equivalente a casas são vendidas.

Na frase Vende-se casas, o sujeito indeterminado está representado pelo pronome pessoal se, com o qual o verbo concorda. Esta frase é equivalente a alguém vende casas.

Esta segunda estrutura está correcta e é equivalente a outras estruturas muito frequentes na língua com um sujeito indeterminado (ex.: não se come mal naquele restaurante; trabalhou-se pouco esta semana), apesar de ser desaconselhada por alguns gramáticos, sem contudo haver argumentos sólidos para tal condenação. Veja-se, por exemplo, a Nova Gramática do Português Contemporâneo, de Celso CUNHA e Lindley CINTRA [Edições Sá da Costa, 1984, 14ª ed., pp. 308-309], onde se pode ler “Em frases do tipo: Vendem-se casas. Compram-se móveis. considera-se casas e móveis os sujeitos das formas verbais vendem e compram, razão por que na linguagem cuidada se evita deixar o verbo no singular”.

pub

Palavra do dia

mor·cas |ô|mor·cas |ô|


(espanhol morca, borra do azeite)
nome masculino de dois números

1. [Informal, Depreciativo]   [Informal, Depreciativo]  Pessoa preguiçosa ou sem iniciativa. = BANANA, MANDRIÃO

2. [Informal, Depreciativo]   [Informal, Depreciativo]  Pessoa que mostra falta de inteligência. = IDIOTA, IMBECIL, INHENHO, LORPA, PARVO


SinónimoSinônimo Geral: MORCÃO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/pregui%C3%A7a-de-dois-dedos [consultado em 17-01-2022]