PT
BR
Pesquisar
Definições



palestino-israelita

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
palestino-israelitapalestino-israelita
( pa·les·ti·no·-is·ra·e·li·ta

pa·les·ti·no·-is·ra·e·li·ta

)


adjectivo de dois génerosadjetivo de dois géneros

Relativo simultaneamente à Palestina e a Israel ou aos palestinianos e israelitas (ex.: negociações palestino-israelitas). = ISRAELO-PALESTINIANO, PALESTINO-ISRAELENSE

vistoPlural: palestino-israelitas.
etimologiaOrigem etimológica:palestino- + -israelita.
iconPlural: palestino-israelitas.

Esta palavra no dicionário



Dúvidas linguísticas



Numa pesquisa no Google, encontrei várias vezes a expressão "há espera", por exemplo: "torneios há espera de concorrentes". É correcto dizer "há espera"? Não será "à espera"?
No contexto que refere, deverá ser utilizada a locução prepositiva à espera de, que significa “aguardando por” (torneios à espera de concorrentes) e que poderá encontrar registada, por exemplo, no Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa, que também regista a locução adverbial à espera (Ex.: os doentes já estão à espera há muito tempo). Esta locução tem estrutura semelhante a muitas outras locuções prepositivas em português (contracção da preposição a com o artigo definido a seguida de substantivo feminino e da preposição de), como, por exemplo, à beira de, à conta de, à disposição de, à frente de. A expressão há espera poderá apenas ser usada em contextos onde se pretenda dizer que "existe uma espera" (ex.: nos acessos à ponte há espera prolongada).



Ao utilizar um parafuso sobre uma rosca, de maneira indevida ou forçada, ocorre um desgaste ou mesmo uma inutilização desta rosca. Sempre utilizei e ouvi o termo "espanar" a rosca. O termo está incorreto?
O verbo espanar, que deriva do italiano spanare e é homónimo do verbo espanar derivado de pano, encontra-se registado no Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa com o sentido “desgastar (uma rosca) até ao ponto da sua inutilização”, sendo, de acordo com o mesmo dicionário, uma palavra de curso mais generalizado no Brasil.