Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

exercer

exercerexercer | v. tr. | v. tr. e intr.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

e·xer·cer |z...ê|e·xer·cer |z...ê|

- ConjugarConjugar

(latim exerceo, -ere, agitar, atormentar, exercitar)
verbo transitivo

1. Preencher tarefas, cargos ou deveres (ex.: exerceu diversas funções na empresa). = CUMPRIR, DESEMPENHAR, EXECUTAR

2. Fazer uso de (ex.: exercer influência; exercer um direito). = EXERCITAR, USAR

3. Fazer sentir (ex.: a água está a exercer demasiada pressão no dique).

verbo transitivo e intransitivo

4. Cumprir os actos, deveres ou obrigações próprios de profissão, cargo, arte ou afim (ex.: exercer medicina; o advogado exerceu durante mais de 50 anos). = EXERCITAR, PRATICAR

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "exercer" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra em blogues

Ver mais

Indo para Bolonha e estando proibido de exercer o ministério

Em Blog da Sagrada Família

...dirigente do Congresso, Jawaharlal regressou à Índia após formar-se na Universidade de Cambridge para exercer a advocacia antes de ser introduzido na política por seu pai, chegando a ser...

Em Geopedrados

a muita gente pretender exercer um princípio de precaução em relação ao desenvolvimento da IA..

Em O Cheiro da Ilha

...recolher-se em Ovar e depois para a Madeira e a interromper a possibilidade de exercer a sua profissão..

Em Geopedrados

...em Lisboa, por via marítima, para a cidade de Ponta Delgada, a fim de exercer funções de desenhador de 3..

Em A Quinta Lusitana
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Mais uma vez, peço a vossa ajuda para o esclarecimento da seguinte dúvida: juridico-funcional ou jurídico-funcional, economico-financeiro ou económico-financeiro?
As formas correctas são as formas acentuadas: jurídico-funcional e económico-financeiro.



Diz-se "vendem-se casas" ou "vende-se casas"?
Do ponto de vista exclusivamente linguístico, nenhuma das duas expressões pode ser considerada incorrecta.

Na frase Vendem-se casas, o sujeito é casas e o verbo, seguido de um pronome se apassivante, concorda com o sujeito. Esta frase é equivalente a casas são vendidas.

Na frase Vende-se casas, o sujeito indeterminado está representado pelo pronome pessoal se, com o qual o verbo concorda. Esta frase é equivalente a alguém vende casas.

Esta segunda estrutura está correcta e é equivalente a outras estruturas muito frequentes na língua com um sujeito indeterminado (ex.: não se come mal naquele restaurante; trabalhou-se pouco esta semana), apesar de ser desaconselhada por alguns gramáticos, sem contudo haver argumentos sólidos para tal condenação. Veja-se, por exemplo, a Nova Gramática do Português Contemporâneo, de Celso CUNHA e Lindley CINTRA [Edições Sá da Costa, 1984, 14ª ed., pp. 308-309], onde se pode ler “Em frases do tipo: Vendem-se casas. Compram-se móveis. considera-se casas e móveis os sujeitos das formas verbais vendem e compram, razão por que na linguagem cuidada se evita deixar o verbo no singular”.

pub

Palavra do dia

al·mo·ça·dei·ra al·mo·ça·dei·ra


(almoçar + -deira)
adjectivo feminino e nome feminino
adjetivo feminino e nome feminino

[Portugal]   [Portugal]  Diz-se de ou chávena grande, geralmente usada para tomar o pequeno-almoço.

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/exercer [consultado em 03-12-2021]