Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
excelenteexcelente | adj. 2 g.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

ex·ce·len·te |eis| ou |es| ex·ce·len·te |eis| ou |es|
adjectivo de dois géneros
adjetivo de dois géneros

1. Muitíssimo bom. = ÓPTIMO

2. Perfeito.

3. Distinto.


AntónimoAntônimo Geral: MAU, PÉSSIMO

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "excelente" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Na frase: "na última edição lançamos um desafio", a palavra lançamos deve ser acentuada?
Em Portugal, na ortografia antes da aplicação do Acordo Ortográfico de 1990, a forma lançamos corresponde apenas ao presente do indicativo, pelo que, se pretender referir-se ao passado, como parece ser o caso na frase em apreço, deverá escrever lançámos, que é a forma do pretérito perfeito. É de referir que uma frase como "na última edição lançamos um desafio" poderá estar correcta se a frase se referir ao presente (ex.: "n[est]a última edição lançamos um desafio e estamos a pedir a colaboração dos leitores").

Na ortografia segundo o novo Acordo Ortográfico, a forma lançamos pode corresponder ao presente ou ao pretérito perfeito, uma vez que o acento na primeira pessoa do plural do pretérito perfeito dos verbos em "-ar" se torna opcional (ex.: lançámos ou lançamos), embora a forma preferencial em Portugal continue a ser a forma acentuada.




Sobre a conjugação do verbo ‘trazer’, no futuro do indicativo, tenho a seguinte dúvida:
(1) Trar-se-ão a Portugal.
ou
(2) Trazer-se-ão a Portugal.
Será que a primeira hipótese está correcta? Não consigo encontrar qualquer tipo de referência, no entanto surge-me intuitivamente.
O verbo trazer é irregular, nomeadamente, para o caso que nos interessa, nas formas do futuro do indicativo: trará, trarás, traremos, trareis, trarão (se se tratasse de um verbo regular, as formas seriam *trazerei, ..., *trazerão [o asterisco indica forma incorrecta]).

Quando é necessário utilizar um pronome pessoal átono (ex.: me, o, se) nas formas do futuro do indicativo (ex.: telefonará) ou do condicional (ex.: encontraria), este pronome é inserido entre o radical e a desinência do verbo (ex.: telefonará + me = telefonar-me-á; encontraria + o = encontrá-lo-ia).

Como se trata da flexão irregular trarão, a forma correcta com o pronome deverá ser trar-se-ão e não *trazer-se-ão, que é uma forma incorrecta.

pub

Palavra do dia

ca·va·li·nho·-das·-bru·xas ca·va·li·nho·-das·-bru·xas
nome masculino

[Entomologia]   [Entomologia]  Designação dada a várias espécies de insectos carnívoros da ordem dos odonatos, cujos adultos têm cabeça arredondada, olhos grandes, corpo estreito e dois pares de asas transparentes e alongadas. = LIBÉLULA

Plural: cavalinhos-das-bruxas.Plural: cavalinhos-das-bruxas.
pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/excelente [consultado em 11-08-2020]