Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

criticásseis

2ª pess. pl. pret. imperf. conj. de criticarcriticar
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

cri·ti·car cri·ti·car

- ConjugarConjugar

(crítica + -ar)
verbo transitivo e intransitivo

1. Encontrar defeitos; avaliar negativamente (ex.: criticar as medidas tomadas; criticaram muito, mas não tiveram nenhuma iniciativa construtiva).ELOGIAR

verbo transitivo

2. Fazer comentários desfavoráveis a respeito de algo ou alguém; dizer mal de. = CENSURAR, DEPRECIARELOGIAR

3. Exercer a crítica; fazer a análise e avaliação de algo.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "criticásseis" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber a vossa definição da palavra antropofágico e gostaria também que me dessem um exemplo de como a palavra escatológico pode ser usada com vários sentidos.
O adjectivo antropofágico designa o que é relativo a antropofagia ou a antropófago (cujas definições poderá encontrar no Dicionário da Língua Portuguesa On-line, seguindo as hiperligações) e pode, na maioria dos contextos, ser sinónimo de canibalesco.

O adjectivo escatológico diz respeito a escatologia, mas, atendendo a que esta palavra corresponde a dois homónimos (isto é, palavras que se escrevem e lêem de maneira igual, mas que têm significados e etimologias diferentes), pode ter significados diferentes consoante os contextos. Por exemplo, humor escatológico poderá dizer respeito ao humor feito com recurso a alusões aos excrementos e necessidades fisiológicas; por outro lado, filosofia escatológica poderá dizer respeito à filosofia que trata do que pode acontecer no fim do mundo ou no fim dos tempos.




Antes do acordo ortográfico escrevia desta forma a data no quadro para os meus alunos: "Terça-feira, 30 de Novembro de 2010". Depois do acordo, devo escrever a data desta forma (?): "terça-feira, 30 de novembro de 2010".
Com a aplicação do Acordo Ortográfico de 1990, deixa de haver obrigatoriedade também em Portugal de maiusculizar os nomes dos meses e das estações do ano, como já acontecia na norma brasileira.

Também não é obrigatório o uso de maiúsculas nos dias da semana, o que já era uso generalizado em Portugal, conforme o disposto na base XXXIX do Acordo Ortográfico de 1945.

No entanto, não se altera a utilização tradicional das maiúsculas em início de frase ou de quaisquer outras sequências escritas (onde é frequente a oscilação com o uso de minúsculas), como divisões ou campos de textos escritos (títulos de capítulos, secções, assunto, data, referência, etc.) ou versos, sendo por isso justificável a maiúscula no início de uma data como Terça-feira, 30 de novembro de 2010.

pub

Palavra do dia

vi·ti·li·go vi·ti·li·go


(latim vitiligo, -inis, erupção cutânea, mancha branca na pele)
nome masculino

[Medicina]   [Medicina]  Doença cutânea caracterizada pelo desaparecimento da pigmentação da pele. = VITILIGEM

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/critic%C3%A1sseis [consultado em 25-06-2022]