Dicionário Priberam Online de Português Contemporâneo
Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub
pub

couve-marinha

couve-marinhacouve-marinha | n. f.
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

cou·ve·-ma·ri·nha cou·ve·-ma·ri·nha


nome feminino

1. [Botânica]   [Botânica]  Planta (Crambe maritima) perene e halófila, da família das crucíferas, com folhas grandes de cor glauca ou verde acinzentada, caule grosso e flores brancas dispostas em racemos.

2. [Botânica]   [Botânica]  Planta (Calystegia soldanella) vivaz, psamófila e hermafrodita, da família das convolvuláceas, com caule rastejante, folhas reniformes e flores caliciformes glabras de cor rosada. = SOLDANELA

Plural: couves-marinhas.Plural: couves-marinhas.
pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "couve-marinha" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Esta palavra no dicionário

Ver mais

Esta palavra em blogues

Ver mais

., presunto cozido, hortaliças, ervilhas, couve -flor, favas, pimentões, tomates, Deita-se tudo no estrugido, em seguida deita-se o arroz, e dão-se-lhe algumas voltas até que tome bem a cor, depois leva a água, mas sempre o dobro, se levar 2 xicaras de arroz deve levar 4 de água, se for pouca porção leva 5 ou

Em Estação Cronográfica

meus sonhos? Os nossos? Quando era pequena tinha muitos. Queria ser veterinária, cabeleireira, cantora, às vezes no mesmo dia, acordava a querer ser bióloga marinha e deitava-me a querer ser contabilista... Depois vamos crescendo e aquela carga ou obrigação de 'ser racional', 'ir pela lógica' começa a

Em angelasoeiro

Investigadores norte-americanos da Universidade Estatal do Oregon afirmam ter descoberto e patenteado uma nova estirpe de alga marinha com potencial para ser comercializada como o próximo super-alimento – e, segundo indicam, quando frita sabe a bacon. Além de ser bastante rica em minerais e

Em mekie

maçã que veio nessa semana directamente do pomar, sem nem sequer parar para um cafezinho? Cabaz Grande: batata, cenoura, nabiça, grelo de couve , alface, curgete, alho-francês, maçã maravilhosa, perdão, casanova, clementina, pêra e ervas aromáticas (salsa e coentros). Cabaz Médio: batata, cenoura

Em donahorta.blogs.sapo.pt

Esta semana há uvas nos cabazes, médio e grande. Destas não se encontram por aí, ai não não! De 3 a 9 de Setembro, Alcobaça, Leiria, Marinha Grande, Nazaré, Valado dos Frades e Caldas da Rainha. Composição do Cabaz Grande: batata, cenoura, cebola, brócolo, couve -coração, alface, tomate, alho

Em donahorta.blogs.sapo.pt
Blogues do SAPO

Dúvidas linguísticas


Gostaria de saber o porque se usa tanto apartir de ou concerteza sendo que o correto é a partir de e com certeza ?
Este fenómeno acontece frequentemente com locuções muito usuais em que os utilizadores da língua têm dificuldades em identificar as fronteiras das palavras, o que tem como consequência erros ortográficos como apartir de (em vez de a partir de), concerteza (em vez de com certeza) ou derrepente (em vez de de repente).



Li o texto do Acordo Ortográfico de 1990 e outros textos sobre o assunto, e tomava a liberdade de perguntar qual a posição da Priberam relativamente aos prefixos sub-, ad- e ab- quando seguidos por palavra iniciada por r cuja sílaba não se liga foneticamente com o prefixo. Concretizando: sub-rogar ou subrogar; ad-rogar ou adrogar; ab-rogar ou abrogar? O Acordo, aparentemente, é omisso quanto à matéria, e já vimos opções diferentes da por vós tomada na versão 7 do FLIP.
O texto legal do Acordo Ortográfico de 1990 (base XVI) é, de facto, omisso relativamente ao uso de hífen com prefixos terminados em consoantes oclusivas (como ab-, ad- ou sub-) quando o segundo elemento da palavra se inicia por r (como em ab-rogar, ad-rogar ou sub-rogar). Para que seja mantida a pronúncia [R] (como em carro) do segundo elemento, terá de manter-se o hífen, pois os casos de ab-r, ad-r, ob-r, sob-r, sub-r e afins são os únicos casos na língua em que há os grupos br ou dr (que se podiam juntar a cr, fr, gr, pr, tr e vr) sem que a consoante seja uma vibrante alveolar ([r], como em caro ou abrir). Se estas palavras não contiverem hífen, o r ligar-se-á à consoante que o precede e passará de vibrante velar (ex.: ab[R], sub[R]) a vibrante alveolar (ex.: ab[r], sub[r]). Não se pode, por isso, alterar a fonética por causa da ortografia, nem alterar a grafia, criando uma excepção ortográfica, só porque o legislador/relator ou afim escamoteou ou esqueceu este caso. O argumento de que a opção de manter o hífen nestes casos segue o espírito do acordo pode reforçar-se se olharmos, por exemplo, para os casos dos elementos de formação circum- e pan-, onde não se criam excepções à estrutura silábica, nem à pronúncia (cf. circum-escolar e não circumescolar; pan-africano e não panafricano).
Pelos motivos expostos, a opção da Priberam é manter o hífen nos casos descritos.

pub

Palavra do dia

so·la·ri·e·go |ê|so·la·ri·e·go |ê|


(espanhol solariego)
adjectivo
adjetivo

1. Relativo a solar ou casa nobre.

adjectivo e nome masculino
adjetivo e nome masculino

2. [Antigo]   [Antigo]  Que ou quem é proprietário ou habitante de um solar.


SinónimoSinônimo Geral: SOLARENGO

pub

Mais pesquisadas do dia



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/couve-marinha [consultado em 29-09-2022]