Dicionário Priberam da Língua Portuguesa
Este site utiliza cookies. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. Saiba mais...
pub
pub
pub
pub

pub
fem. pl. de crisecrise
Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!

cri·se cri·se 2
(origem obscura)
nome masculino ou feminino

[Antigo]   [Antigo]  Tecido muito fino de lã branca.


cri·se cri·se 1
(latim crisis, -is, do grego krísis, -eós, acto de separar, decisão, julgamento, evento, momento decisivo)
nome feminino

1. [Medicina]   [Medicina]  Mudança súbita ou agravamento que sobrevém no curso de uma doença aguda (ex.: crise cardíaca; crise de epilepsia).

2. Manifestação súbita de um estado emocional (ex.: crise de choro; crise nervosa). = ACESSO, ATAQUE

3. Conjuntura ou momento perigoso, difícil ou decisivo.

4. Falta de alguma coisa considerada importante (ex.: crise de emprego; crise de valores).

5. Embaraço na marcha regular dos negócios.

6. Desacordo ou perturbação que obriga instituição ou organismo a recompor-se ou a demitir-se.

pub

Auxiliares de tradução

Traduzir "Crises" para: Espanhol | Francês | Inglês

Parecidas

Palavras vizinhas

Esta palavra em blogues

Ver mais
Blogues do SAPO

Esta palavra no Twitter

Dúvidas linguísticas


Agradeço, se possível, que me esclareçam sobre o significado e origem da palavra "sôbolos", agora tão em voga pelo lançamento da última obra do escritor Lobo Antunes e tão conhecida na expressão primeira de Camões.
A palavra sôbolos corresponde à flexão do masculino plural de sôbolo. Esta é uma forma do português antigo, contracção da preposição sobre com artigo definido antigo lo e pode ter as flexões sôbola, sôbolos, sôbolas, equivalentes, respectivamente, a sobre a, sobre os, sobre as.

É de referir que a recente obra de António Lobo Antunes (Sôbolos Rios Que Vão) retoma o primeiro verso de uma redondilha de Camões que, em algumas edições com actualização gráfica, é por vezes transcrito "Sobre os rios que vão".




...para um dia ser de vossa utilidade. Gostaria de saber se na frase acima o emprego do pronome vossa é errado.
Se não analisarmos o contexto, não há nenhuma incorrecção no fragmento frásico que nos apresenta, pois o pronome pessoal vossa pode dizer respeito à segunda pessoa do plural (vós), inferindo-se que essa é a forma de tratamento utilizada (ex.: Aprendei [vós] esta lição, para um dia ser de vossa utilidade).

Deduzimos, no entanto, que a dúvida diz respeito à utilização do pronome de segunda pessoa vosso no contexto de um tratamento por vocês, que corresponde a uma terceira pessoa gramatical.

Esta utilização é muito comum e está a ser cada vez mais aceite, apesar de ser desaconselhada por alguns gramáticos, que aconselhariam o uso do pronome seu, sua no mesmo contexto (ex.: Aprendam [vocês] esta lição, para um dia ser de sua utilidade).

O Dicionário da Língua Portuguesa da Academia das Ciências de Lisboa, por exemplo, apesar de registar no verbete vosso que este pronome é usado no tratamento por vós e no tratamento por vocês observa que "no uso mais purista da língua, aconselha-se seu, sua em vez de vosso, vossa para o tratamento por vocês".

pub

Palavra do dia

sa·bra sa·bra
(hebraico sabrah)
nome feminino

1. [Botânica]   [Botânica]  Planta arbustiva (Opuntia ficus-indica), da família das cactáceas, com frutos doces e comestíveis. = CUMBEBA, FIGUEIRA-DA-BARBÁRIA, FIGUEIRA-DA-ÍNDIA, TABAIBEIRA

2. [Viticultura]   [Viticultura]  Variedade de uva branca.

adjectivo de dois géneros e nome de dois géneros
adjetivo de dois géneros e nome de dois géneros

3. Que ou quem é natural, habitante ou cidadão de Israel. = ISRAELENSE, ISRAELIANO, ISRAELITA

pub

Mais pesquisadas do dia

Siga-nos



in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, https://dicionario.priberam.org/Crises [consultado em 25-09-2020]