PT
BR
Pesquisar
Definições



quem

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
quemquem


pronome interrogativo

1. Usa-se para questionar que pessoa ou que pessoas (ex.: quem telefonou? não sei quem será o responsável; quem é que já avisaste? perguntei de quem são as outras propriedades).


pronome relativo

2. Usa-se para designar a pessoa que ou as pessoas que; o qual, a qual, os quais, as quais (ex.: quem casa quer casa; preciso de alguém com quem desabafar).


quem dera

Expressão usada para demonstrar grande desejo (ex.: quem me dera estar de férias). = OXALÁ

quem quer que

Qualquer pessoa que; qualquer um que.

etimologiaOrigem etimológica:latim quem.
Ver também resposta às dúvidas: concordância com o pronome quem; fui eu quem; sou eu quem.


Dúvidas linguísticas



Como se pronuncia xenofobia? É xenofobia ou zenofobia?
O x- de xenofobia pronuncia-se ch, como na palavra chave, pois esta é a pronúncia em português para a letra X em início de palavra (ex.: xadrez, xenofobia, xisto, xô). São raros os casos em que a letra x se pronuncia [z] e estes casos correspondem a um contexto intervocálico em algumas palavras começadas por e- (ex.: exagerar, exemplo, existir, exótico, exuberante) ou nos seus derivados (ex.: coexistir, inexacto, preexistir, reexaminar, sobreexaltar [ou sobre-exaltar, segundo o Acordo Ortográfico de 1990 - ver Base XVI, 1.º, alínea b)]).



Qual a forma verbal correcta nestas duas frases: "Trata-se ou Tratam-se de pessoas que não sabem o que fazem"?
A frase correcta é Trata-se de pessoas que não sabem o que fazem.

Neste exemplo, o verbo tratar tem um sentido próximo de “ser”, sendo indissociável do clítico se e da preposição de. A construção tratar-se de funciona como um verbo impessoal, i.e., utiliza-se apenas na 3.ª pessoa do singular, dado que é usada em frases sem sujeito. A frase *Tratam-se de pessoas que não sabem o que fazem é agramatical (como indica o asterisco) porque o sintagma pessoas que não sabem o que fazem, com o qual o verbo concorda, é erradamente considerado o sujeito da frase.

A construção acima descrita não deve ser confundida com o predicado verbal da frase Eles tratam-se da doença numa clínica suíça. Neste caso, o verbo tratar é usado na acepção de “curar” e concorda com o sujeito da frase (Eles).