PT
BR
Pesquisar
Definições



extorquir

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
extorquirextorquir
|eis...quir| ou |es...quir| |eis...quir| ou |es...quir|
( ex·tor·quir

ex·tor·quir

)
Conjugação:abundante.
Particípio:regular.


verbo transitivo

1. Obter com violência (ex.: extorquir informações). = ARRANCAR

2. Tirar à força (ex.: extorquir dinheiro). = ROUBAR

etimologiaOrigem etimológica:latim extorqueo, -ere, desconjuntar, desencaixar, deslocar, afastar com violência, tirar das mãos.

Auxiliares de tradução

Traduzir "extorquir" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Qual a forma correta: "Ela é mais alta do que ele" ou "Ela é mais alta que ele"?
Ambas as frases estão correctas porque tanto a conjunção que quanto a locução conjuncional do que introduzem o segundo termo de uma comparação, conforme pode verificar clicando na hiperligação para o Dicionário Priberam.

Geralmente, do que pode ser substituído por que: este é ainda pior do que o outro = este é ainda pior que o outro, é preferível dizer a verdade do que contar uma mentira = é preferível dizer a verdade que contar uma mentira.

No entanto, quando o segundo termo da comparação inclui um verbo finito, como em o tecido era mais resistente do que parecia, a substituição da locução do que por que não é possível e gera agramaticalidade: *o tecido era mais resistente que parecia.




Como se classifica gramaticalmente a forma levemo-lo?
Gramaticalmente, levemo-lo corresponde a uma forma do verbo levar na primeira pessoa do plural do imperativo (ex.: amigos, levemos isto daqui já), seguido do pronome átono o, que assume a forma -lo por estar a seguir a uma forma verbal terminada num -s (que desaparece: levemos + o = levemo-lo).

A forma levemos, isoladamente, poderá corresponder também ao presente do conjuntivo (ex.: é preciso que levemos isto daqui), mas, como tem o pronome átono em posição enclítica (depois do verbo), não corresponde a esse tempo, pois o presente do conjuntivo é normalmente antecedido da conjunção que, com propriedades de atracção do pronome átono (ex.: é preciso que o levemos daqui), não sendo considerada gramatical uma construção proclítica nesse caso (ex.: *é preciso que levemo-lo daqui).