PT
BR
Pesquisar
Definições



electrizante

Sabia que? Pode consultar o significado de qualquer palavra abaixo com um clique. Experimente!
electrizanteeletrizanteeletrizante
|lèt| |lè| |lè|
( e·lec·tri·zan·te e·le·tri·zan·te

e·le·tri·zan·te

)


adjectivo de dois génerosadjetivo de dois géneros

1. Que electriza; que inflama.

2. Que arrebata.

sinonimo ou antonimo Grafia alterada pelo Acordo Ortográfico de 1990: eletrizante.
sinonimo ou antonimo Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990: electrizante.
grafiaGrafia no Brasil:eletrizante.
grafiaGrafia em Portugal:electrizante.

Auxiliares de tradução

Traduzir "electrizante" para: Espanhol Francês Inglês


Dúvidas linguísticas



Gostaria de saber qual o antônimo de pensando.
É difícil encontrar uma palavra antónima para o verbo pensar (o mais fácil é a locução não pensar). No entanto, e apenas em alguns contextos, é possível utilizar o antónimo esquecer (por exemplo, pensou no pai) ou desconhecer (por exemplo, pensou na solução mais correcta).



Gostaria de saber se se diz pronto ou prontos numa frase como pronto(s), fica assim combinado. Já agora, o porquê, a explicação.
Apesar de ser muito usual em contextos informais, a forma prontos deverá ser evitada.

A palavra pronto pode corresponder a várias classes gramaticais com diferentes usos semânticos e sintácticos. Pronto pode ser, por exemplo, um adjectivo definido como "que está preparado ou em condições", sendo flexionável em género e número (ex.: a casa está pronta para as visitas; os quartos já estão prontos).

Frequentemente, pronto é usado como interjeição para indicar a conclusão de algo (ex.: pronto, ela finalmente terminou a carta), compreensão ou consolo (ex.: pronto, já está tudo bem) ou desagrado (ex.: pronto, estou farto). Neste caso, visto que as interjeições são uma classe de palavras invariáveis, é aconselhável usar apenas a forma pronto, independentemente do género ou número do sujeito.

A indicação acima tem em conta os registos lexicográficos da palavra e segue os conselhos mais comuns de consultores da língua. É possível, contudo, admitir que se possa formar outra interjeição de origem expressiva a partir da forma masculina plural do adjectivo (prontos), à semelhança de outras interjeições, formadas a partir de flexões plurais (ex.: caraças, céus, cruzes). A interjeição prontos é muito usual em registos coloquiais quotidianos, mas, como tal forma não é normalmente aceite em obras de referência, será desaconselhado utilizá-la.